Bancos de Leite materno do Espírito Santo precisam de doações para conseguir suprir demanda

Geral

Bancos de Leite materno do Espírito Santo precisam de doações para conseguir suprir demanda

O bebê deve se alimentar de leite materno até no mínimo aos seis meses Foto: Divulgação

A amamentação é fundamental para o desenvolvimento do bebê, porém, muitas mulheres enfrentam problemas na hora de produzir o leite e precisam recorrer aos bancos. 

Mãe de primeira viagem e com leite de sobra, a enfermeira Karina Fardin conhece de perto a realidade de quem necessita receber a doação do leite materno. Por isso, todos os dias ela vai até o Banco de Leite do Hospital das Clínicas fazer uma contribuição, gesto que significa muito mais do que uma simples caridade. “Se eu tenho leite para o meu bebê e posso, já que não vai fazer falta, porque não doar? É quase ser mãe de outro”, disse.

Já a gerente comercial Verônica Siqueira, precisa da ajuda de pessoas como a Karina. Com problemas para amamentar, ela necessita de doações para o pequeno Rafael, de apenas sete dias. “É difícil ver o filho querendo mamar e você não conseguir. Então, para ele se manter saudável e crescer, você depende de outras mães”, contou.

A doação do leite materno é de extrema importância, principalmente para os bebês que estão na UTI NeoNatal. Muitos dos que ficam nesse setor pesam menos de 1 kg e só se alimentam por meio de sonda. A doação do leite materno faz com que as chances de sobrevivência deles aumentem cerca de 80%.  

Porém, na Semana Mundial do Aleitamento Materno, as geladeiras e os freezers do estoque do Banco de Leite do Hospital das Clínicas de Vitória não têm o que comemorar. A quantidade que o banco possui atualmente é apenas suficiente para duas semanas. 

Para reverter esse quadro, a única solução são as doações. Por isso, a coordenadora do Banco de Leite orienta como a doação deve ser feita. “Essa mãe precisa estar amamentado o próprio filho e ser uma mulher saudável. Então, basta ela ligar para o banco de leite para fazer um cadastro com os exames. A partir daí, ela agenda uma visita toda semana”, destaca Mônica Pontes. 

A pediatra Mariângela Avellar destaca que a amamentação é importante até no mínimo aos seis meses de vida, para que para o bebê cresça forte. “O leite materno é um alimento completo e não precisa de outro alimento. Ele tem a composição ideal para o ser humano", afirma.

Saiba onde doar:

Banco de Leite da Santa Casa de Misericórdia de Vitória
Endereço: Rua Dr. Jones Santos Neves, 143, Vila Rubim, Vitória - ES
Telefone: (27) 3322.0074 / (27) 3212.7200
E-mail: [email protected]

Banco de Leite do Hospital da Polícia Militar
Endereço: Rua Joubert de Barros, 555, Bento Ferreira, Vitória - ES
Telefone: (27) 3636-6568
E-mail: [email protected]

Banco de Leite do Hospital Dr. Dório Silva
Endereço: Avenida Eudes Scherrer s/nº, Laranjeiras, Serra - ES
Telefone: (27) 3138.8905 - (27) 3328.3611
E-mail: [email protected]

Banco de Leite do Hospital Evangélico de Cachoeiro de Itapemirim
Endereço: R Manoel Braga Machado nº 9, 2º andar, Ferroviários, Cachoeiro de Itapemirim - ES
Telefone: (28) 3521.7045 / (28) 3526.6166 ramal 199

Banco de Leite do Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes - HUCAM
Endereço: Av. Marechal Campos, Maruipe, Vitória - ES
Telefone: (27) 3335.7377
E-mail: [email protected]

Banco de Leite do Hospital Infantil de Vila Velha
Endereço: Av. Ministro Salgado Filho, 918, Soteco, Vila Velha - ES
Telefone: (27) 3380.9493

Banco de Leite do Hospital São José
Endereço: Colatina - ES
Telefone: (27) 3722.4977