Bem guardado: recordista preserva quarenta salários em cruzeiros por 50 anos

Geral

Bem guardado: recordista preserva quarenta salários em cruzeiros por 50 anos

Sorocabano de 68 anos entra para a lista brasileira de recordes por guardar todos o dinheiro que recebeu pela realização de um curso entre 1961 e 1965

Recordista guardou 40 salários e contracheques durante quase 50 anos Foto: Divulgação

O paulista de Sorocaba Manoel Rodrigues foi registrado na lista brasileira de recordes – RankBrasil – em 2014 por possuir o maior arquivo de pagamentos com cruzeiros. O recordista de 68 anos guardou Cr$ 6.905,00 e ainda possui 40 holerites que registram os salários. O valor foi conseguido entre os anos de 1961 e 1965 foram guardados com carinho por ele.

Os pagamentos eram referentes ao Curso de Formação de Oficina da Estrada de Ferro Sorocabana (CFO), realizado na Escola Técnica Gaspar Ricardo Junior, instituição onde Manoel se formou Eletricista de Manutenção. Com 14 anos na época, mesmo jovem e ainda morando com os pais, Manoel decidiu não gastar o dinheiro, mas arquivar como recordação. 

Mesmo sabendo que o dinheiro perderia seu valor monetário, Manoel afirma não ter se arrependido por não gastar. “Guardei sabendo que futuramente teria outros valores. Seja ele monetário ou sentimental”, disse.  

Atualmente, o recordista afirma não acumular valores em casa e brinca. “Real eu não guardo porque só guardo notas de mil”.