• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Governo do Espírito Santo lança aplicativo para facilitar as denúncias de cidadãos

Geral

Governo do Espírito Santo lança aplicativo para facilitar as denúncias de cidadãos

Durante a apresentação do aplicativo, o governador Paulo Hartung ressaltou que atualmente o país passa por um período desafiador no contexto econômico, político e ético

Novas mídias: Governador apresenta aplicativo para fazer denúncias Foto: Divulgação/Governo

O governo do Espírito Santo acaba de lançar um aplicativo de celular por meio do qual a população poderá fazer denúncias. Batizado de “Fiscal Cidadão”, a ferramenta visa facilitar a comunicação da sociedade com o Estado e facilitar o encaminhamento de denúncias por parte dos cidadãos.

O aplicativo foi desenvolvido pela Secretaria de Estado de Controle e Transparência (Secont) e pelo Instituto de Tecnologia do Espírito Santo (Prodest), em versões para Android e IOS.

Durante a apresentação do aplicativo, o governador Paulo Hartung ressaltou que atualmente o país passa por um período desafiador no contexto econômico, político e ético. Hartung destacou que o momento é dos capixabas contribuírem apresentando boas práticas e bons exemplos. 

"Já temos um Portal da Transparência que é referência no Brasil e vamos avançar para um formato mais fácil de ser consultado. Este aplicativo é uma ferramenta que criamos para superar a burocracia e aproximar a sociedade do Governo do Estado. Nosso objetivo é  possibilitar que a população dê sua contribuição e desenvolva práticas cidadãs", enfatizou Hartung.

Segundo o secretário de Controle e Transparência, Marcelo Zenkner, a ideia é ampliar e facilitar a relação dos cidadãos com o Governo do Espírito Santo. “Os celulares, hoje, são praticamente uma extensão do corpo das pessoas. Se elas dispuserem de um canal direto de comunicação com o Estado, certamente haverá um fomento no envio de informações para os órgãos de controle. Isso estimulará, inclusive, o exercício pleno da cidadania, pois gerará uma maior participação do cidadão no dia a dia da Administração Pública”, explicou o secretário. 

O diretor-presidente do Prodest, Renzo Colnago, explicou as funcionalidades e como o aplicativo foi desenvolvido.

“A jornada de entrega de soluções tecnológicas e mobile é compartilhada entre o órgão responsável pelo serviço e o parceiro integrador tecnológico, no caso, o Prodest. Desde o início do ano nós temos seguido uma diretriz de governo chamada ‘ES na palma da mão’. Trata-se de um conjunto de aplicações móveis com soluções e serviços para o cidadão. O aplicativo ‘Fiscal Cidadão’ é a primeira inciativa nesse sentido. Em um trabalho conjunto, foi desenvolvido o app tanto para o sistema Android quanto para IOS,  pelo time de desenvolvimento do Instituto com a solução rodando no DataCenter do Estado. Em um cenário de escassez de recursos, não houve contratação de empresas. Assim, podemos dizer que, hoje, o Prodest é um órgão desenvolvedor de tecnologias móveis", concluiu.

 Como funciona

Para utilizar o serviço é preciso fazer o download do aplicativo Fiscal Cidadão ES gratuitamente. Após informar dados pessoais, como nome, e-mail, telefone, o cidadão poderá enviar sua manifestação, podendo incluir fotos para complementar seu registro. Finalizado o encaminhamento, o usuário receberá um retorno, por e-mail ou telefone, da Ouvidoria. 

Além da foto, a próxima versão do aplicativo permitirá o envio de vídeos, arquivos de dados e de voz. Atualmente, os estados da Bahia e Amazonas já possuem aplicativos similares, assim como os municípios de Cariacica e Vila Velha (ES).