Garçonete é encontrada morta no bairro Alto Eucalipto em Cachoeiro de Itapemirim

Polícia

Garçonete é encontrada morta no bairro Alto Eucalipto em Cachoeiro de Itapemirim

Loizimar teria ido a uma festa na noite de sexta (19). Seu corpo foi encontrado com a pulseira do evento, nas proximidades de sua casa, jogado em uma valeta para escoamento da água de chuva

O corpo da garçonete foi encontrado com suspeita de estrangulamento, no bairro Alto Eucalipto. Foto: Notícia Capixaba.

O corpo da garçonete Loizimar Estefany Silva, de 27 anos, foi encontrado na madrugada deste sábado (20), no bairro Alto Eucalipto, em Cachoeiro de Itapemirim, com suspeita de estrangulamento e violência sexual.

Segundo os familiares, Loizimar teria ido a uma festa na noite desta sexta-feira (19). Seu corpo foi encontrado com a pulseira do evento, nas proximidades de sua casa, jogado em uma valeta para escoamento da água de chuva, coberto com galhos. A suspeita é que o autor do crime tenha utilizado o cinto da garçonete para apertar seu pescoço.

O delegado de plantão em Cachoeiro de Itapemirim, Vladson Bezerra, deu início às investigações. “Uma equipe da Delegacia de Crimes contra a Vida esteve durante a madrugada no local do homicídio, acompanhando a perícia e ouvindo moradores e, está investigando o caso”, contou o delegado.