Número de homicídios em Vitória no mês de janeiro é o menor em 15 anos

Polícia

Número de homicídios em Vitória no mês de janeiro é o menor em 15 anos

No mês passado foram registrados apenas dois assassinatos na capital capixaba, contra dez no mesmo período de 2015, o que corresponde a uma queda de 80% no índice

Número de homicídios em Vitória é o menor desde 2001 Foto: TV Vitória

O número de homicídio registrados na cidade de Vitória em janeiro foi o menor dos últimos 15 anos. De acordo com levantamento divulgado nesta segunda-feira (01) pela Secretaria Municipal de Segurança Urbana da capital, no mês passado foram registrados apenas dois assassinatos, contra dez no mesmo período de 2015, o que corresponde a uma queda de 80% no índice.

Ainda segundo o levantamento, a redução de homicídios em Vitória foi de 43,5%, de 2014 a 2015. No Espírito Santo a redução no índice foi de 9%, no mesmo período. A taxa de homicídios por 100 mil habitantes, em Vitória, também apresentou queda nos últimos três anos: em 2012 era de 31,21, enquanto em 2015 passou para 20,79. 

O prefeito de Vitória, Luciano Rezende, comemorou o resultado. "Nós saímos de 31 homicídios por 100 mil habitantes em 2012 para 21 homicídios por 100 mil habitantes no final de 2015. Vitória está se tornando uma cidade mais segura, através de nossa parceria com as polícias Militar e Civil, Tribunal de Justiça, Ministério Público e todas as instituições que fazem parte do Gabinete de Gestão Integrada Municipal", disse.

De acordo com o secretário municipal de Segurança Urbana, Fronzio Calheira, os dados positivos fazem parte de um esforço conjunto. "Os excelentes dados de 2015, em relação a 2014, indicam uma tendência de queda que se confirma no primeiro mês de 2016, quando tivemos uma redução proporcional de 80%. Vamos continuar buscando uma perfeita integração com todas as instituições que atuam em Vitória, por acreditarmos que essa é a razão da melhoria desses indicadores", disse o secretário.

O subcomandante do 1º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Martinelli, também ressaltou a parceria com a Prefeitura e o trabalho de inteligência da Polícia Militar. "Com certeza, muitos dos homicídios estão sendo evitados com ações nos locais que sabemos que são mais vulneráveis. Nossas ações estão muito ligadas às estatísticas e ao Mapa do Crime, em um trabalho de inteligência em cima da análise diária dos dados. Nesses locais onde a criminalidade é mais alta, a parceria com a Prefeitura é uma realidade e efetivamente funciona, com serviços como poda de árvores, recolhimento de lixo, reforço em iluminação e parceria da Guarda de Vitória", ressaltou o subcomandante.