Professor de Educação Física é preso com grande quantidade de drogas em casa na Serra

Polícia

Professor de Educação Física é preso com grande quantidade de drogas em casa na Serra

Com Washigton Correia Lucas de Melo, a polícia encontrou maconha, LSD e ecstasy. Além disso, foi apreendido um aparelho secador, que ajudava a acelerar a preparação da droga

Professor foi preso em flagrante e autuado por tráfico Foto: Divulgação/PC

Um professor de Educação Física foi preso nesta quinta-feira (04), após ser flagrado com uma grande quantidade de drogas na casa dele, em Balneário Carapebus, na Serra. Além do material entorpecente, a polícia encontrou com Washington Correia Lucas de Melo, de 35 anos, um aparelho secador, que ajudava a acelerar o processo de preparação da droga, além de outros materiais utilizados para o tráfico.

Ao todo foram apreendidos um quilo de maconha, sementes para plantio da droga, 164 micropontos de LSD, 26 comprimidos de ecstasy, uma balança de precisão, R$ 6.351,00 em espécie e material para embalar a droga. 

A prisão do professor foi feita por policiais da Delegacia de Investigações Especiais (DIE), com o apoio da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (Deten), e faz parte da Operação Carnaval, que está sendo realizada pela Polícia Civil até o fim do feriado.

A polícia chegou até o suspeito após receber uma denúncia. "Os policias da Delegacia de Investigações Especiais já estavam monitorando ele e, na data de hoje, acharam que era o melhor momento para deflagrar essa operação, junto com a Deten", ressaltou o delegado Fabiano Rosa, da Deten.

Material apreendido foi levado para a Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes Foto: Divulgação/PC

De acordo com o delegado, Washington morava sozinho na residência e era responsável pela comercialização de todo o material. Por conta disso, segundo Fabiano Rosa, o professor será indiciado por tráfico de drogas.

O delegado afirmou ainda que a polícia ficou impressionada com a grande quantidade de material entorpecente encontrada com o suspeito. "Os policiais ficaram surpresos quando entraram na casa e se depararam com essa quantidade de droga. Inclusive com esse secador, que acelera o processamento da maconha", frisou.