• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Mulher é morta a facadas no apartamento do namorado em Vila Velha

Polícia

Mulher é morta a facadas no apartamento do namorado em Vila Velha

O corpo foi encontrado por policiais após filho relatar o desaparecimento da mãe

A mulher foi encontrada no chão da cozinha do apartamento

Uma zeladora foi encontrada morta dentro do apartamento do namorado, no bairro Alvorada, em Vila Velha. A polícia havia recebido uma denúncia do próprio filho da vítima, pois Eliane Maria de Oliveira, de 54 anos, estava desaparecida desde o último domingo (18).

Os policiais encontraram o corpo na noite da última segunda-feira (19). Eles chegaram ao local, bateram na porta várias vezes, mas ninguém atendeu. Eles sentiram um forte cheiro e resolveram invadir o apartamento. Lá eles encontraram a mulher caída na cozinha, morta e toda ensaguentada.

De acordo com os policiais, a zeladora foi morta com uma facada no pescoço, duas na barriga e duas nas mãos. Segundo uma vizinha, antes da polícia os filhos dela também foram ao local procurar pela mãe.

"Eu vi ele aqui umas três vezes. Na primeira vez ele não entrou e quis saber se a mãe estava, mas ninguém teve como informar. Na segunda vez ele também não quis entrar e perguntou novamente. Já na terceira vez ele já veio com a polícia. Foi quando eles entraram e conseguiram ver alguma coisa", contou uma vizinha.

Um autônomo, também vizinho do suspeito, contou que viu o casal junto no final de semana. "Ela foi para a igreja sozinha, mas os dois voltaram juntos e de mãos dadas. Eles subiram e depois disso ninguém viu mais. No domingo eu encontrei ele, mas achei estranho ele não cumprimentar. Ele passou e não falou nada, mas eu não imaginava que tinha acontecido uma coisa dessas", disse.

Durante o relacionamento da vítima com o suspeito, uma dona de casa relatou que nunca presenciou nenhuma discussão. "Era um casal perfeito, parecia que não tinha confusão entre eles. Saiam de mãos dadas, voltavam de mãos dadas", relatou uma vizinha. 

O principal suspeito, segundo os investigadores da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), é o namorado da mulher, que está foragido. Na rua do prédio há câmeras de videomonitoramento que podem ajudar a polícia nas investigações.

O corpo da zeladora foi liberado do Departamento Médico Legal (DML) de Vitória no final da manhã desta terça-feira pelos familiares. Eles não quiseram falar com a imprensa, mas amigos relataram que a mulher namorava há cerca de seis meses com o suspeito e ele era extremamente ciumento. Na noite de sábado (17) ela saiu para encontrar com ele, mas não voltou mais.

A vítima será sepultada no interior do Estado.