VÍDEO | Operação policial impede festa clandestina e faz apreensões na Rua da Lama, em Vitória

Polícia

VÍDEO | Operação policial impede festa clandestina e faz apreensões na Rua da Lama, em Vitória

Polícia Militar, Bombeiros e equipes da PMV dispersaram grupos que se aglomeraram na região; um adolescente foi apreendido

Foto: reprodução/sesp

Com o intuito de acabar com as aglomerações em virtude da pandemia de covid-19, a Prefeitura de Vitória, a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros realizaram na noite de sexta-feira (26) uma ação de fiscalização que acabou em correria na região da Rua da Lama, em Vitória. Minutos depois da operação batizada como "Operação Limpa Lama", a região que estava completamente lotada, ficou vazia. 

Mas mesmo após dispersar os frequentadores, a fiscalização continuou e também foram feitas abordagens e até blitz. Em uma dessas, um adolescente foi apreendido e encaminhado à delegacia. Com ele foram apreendidas substâncias similares a maconha, 27 frascos de loló e lança perfume.

A fiscalização orientou tanto comerciantes quanto ambulantes e frequentadores que estavam no local. Um comerciante se recusou a fechar as portas do estabelecimento e recebeu uma notificação. 

Operação Limpa Lama

A operação contou com um trabalho integrado entre Secretaria Municipal de Segurança Urbana (Semsu), Secretaria Municipal de Desenvolvimento da Cidade (Sedec) e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam).

De acordo com a Prefeitura de Vitória, o objetivo é reprimir situações denunciadas pela população como a realização de festas clandestinas e bailes do Mandela, tráfico e consumo de drogas, desordem pública, cenas de sexo explícito em vias públicas, entre outras ilegalidades. 

As ações também contam com a presença de equipes do Corpo de Bombeiros e segundos os representantes dos órgãos envolvidos na operação, as ações integradas irão continuar durante tempo indeterminado.

Final do Campeonato Brasileiro

Na noite de quinta-feira (25), durante a partida final do Campeonato Brasileiro, uma ação precisou ser organizada também na Rua da Lama. Durante a comemoração do título do Flamengo, pessoas se aglomeravam no local sem a mínima preocupação com a pandemia ou com a contaminação. Na ocasião, a polícia precisou utilizar bombas de efeito moral para dispersar a multidão

Durante o carnaval na capital capixaba, a região também ficou repleta de pessoas e ações tanto da Polícia Militar, quanto da prefeitura precisaram ser colocadas em prática.