Preso suspeito de cometer vários assassinatos em Vitória e na Serra

Polícia

Preso suspeito de cometer vários assassinatos em Vitória e na Serra

Segundo a polícia, um dos crimes praticados por Cleiverson Ramon Patrocínio foi o assassinato de Uberlândio Souza, ocorrido em janeiro, no bairro Jabour

Cleiverson foi apresentado pela polícia nesta quarta-feira Foto: TV Vitória

Um homem suspeito de ter participado de vários assassinatos foi preso, na noite desta terça-feira (10), em Nova Almeida, na Serra. Cleiverson Ramon Patrocínio, de 22 anos, conhecido como "Vitor", é suspeito de ter cometido um homicídio em Vitória, em janeiro deste ano, e ter participado de outros três assassinatos na Serra. 

Uma pistola 380 foi encontrada em Vista Linda, na casa alugada por ele. De acordo com a polícia, o acusado ainda teria emprestado a arma do crime para outros dois assassinatos.

Segundo a delegada Nicolle Perúsia, da Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) de Vitória, Cleiverson é o principal suspeito de matar Uberlândio Souza, no mês de janeiro, no bairro Jabuor, na capital. A motivação seria a disputa de gangues rivais pelo tráfico de drogas na região da Serra. No dia crime, a vitima estava a caminho do velório de um colega, que também foi assassinado.

"O Cleiverson perseguiu um veículo que saiu da Serra em direção a Vitória e tentou atingir todas as vítimas que estavam dentro desse veículo. Na ocasião, um homem chamado Uberlândio, de 22 anos, foi morto, uma mulher foi ferida e os outros dois passageiros não chegaram a ser atingidos", contou a delegada.

O suspeito negou a participação em todos os crimes, inclusive na morte de Uberlândio. Mas a polícia teve acesso às mensagens de ameaças feitas por ele a uma das vítimas.

"Ele negou quando foi entrevistado que tenha sido o autor do homicídio do Uberlândio. Porém, no dia dos fatos, ele trocou informações via celular com a vítima sobrevivente dizendo que ele mesmo tinha atirado contra o carro e ainda afirmou que iria matar todos os amigos do Uberlândio", disse a delegada.

De acordo com a polícia, Cleiverson vai responder por homicídio consumado e triplo tentado. A prisão dele ocorreu durante uma ação conjunta entre as delegacias de crimes contr a vida de Vitória e da Serra, além da Delegacia de Homicídios e Proteção à Mulher.

"Nós temos um crime que ocorreu no ano passado, no mês de março, e outro ocorrido este ano, em janeiro. No decorrer da nossa investigação, ocorreu esse crime do Uberlândio, que é um dos autores do nosso crime. Então houve uma troca de informação entre a minha delegacia, a delegacia de Vitória e a delegacia da Serra, em virtude de ter ocorrido um crime no dia anterior também praticado pelo Cleiverson", explicou o titular da DHPM, delegado Adroaldo Lopes.