Foragido da Justiça e comparsa são presos com armas na Serra

Polícia

Foragido da Justiça e comparsa são presos com armas na Serra

Anderson Vinícius Santos Pires e Davi Oliveira Francisco são acusados de participarem do tráfico de drogas na região de Nova Almeida e Jacaraípe e suspeitos de cometerem outros crimes

Suspeitos foram presos pelo Got, na Serra Foto: Divulgação/PC

Dois criminosos foram presos, na manhã desta segunda-feira (27), durante uma operação do Grupo de Operações Táticas (Got), da Polícia Civil, na região de Nova Almeida e Jacaraípe, na Serra. Anderson Vinícius Santos Pires, vulgo "Andinho", de 23 anos, e Davi Oliveira Francisco, de 20, são acusados de participarem do tráfico de drogas na região e suspeitos de cometerem outros crimes.

A dupla estava em uma Kitnet, que, segundo a polícia, era utilizada pelos dois para traficarem drogas. Com os acusados, a polícia encontrou duas armas - um revólver calibre 38, com numeração raspada, e uma pistola de 9 milímetros - e munições. 

Segundo o delegado titular do Got, Eduardo Khaddour, Andinho cumpria pena na Penitenciária Estadual de Vila Velha, por roubo majorado, e havia saído da prisão, em dezembro do ano passado, para passar as festas de fim de ano com a família.

No entanto, o acusado não retornou para a cadeia e, segundo o delegado, voltou a cometer crimes na região de Nova Almeida e Jacaraípe. "Recebemos uma denúncia anônima e encontramos os dois indivíduos na Lagoa de Jacaraípe", contou Khaddour.

Segundo o delegado, os dois detidos são amigos de infância e Davi estaria ajudando o amigo na prática dos crimes. Eles foram autuados por porte ilegal de armas e associação para o tráfico. "Ainda estamos investigando a participação deles em outros crimes", completou o titular do Got.

Os detidos foram encaminhados para o Centro de Triagem de Viana, onde permanecem à disposição da Justiça.