Preso adolescente acusado de matar professora em porta de escola em Vila Velha

Polícia

Preso adolescente acusado de matar professora em porta de escola em Vila Velha

O menor, de 16 anos, foi apreendido durante uma operação da DCCV do município e confessou ter participado de um tiroteio no dia 10 de fevereiro, dia da morte de Mirian Rocha Tavares

Mirian Tavares foi morta no dia 10 de fevereiro, quando chegava para dar aula em uma escola em São Torquato Foto: TV Vitória

Um adolescente suspeito de atirar e matar uma professora em Vila Velha, em fevereiro deste ano, foi detido nesta quinta-feira (16). O menor, de 16 anos, foi apreendido no bairro Boa Vista, durante uma operação da Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) de Vila Velha.

De acordo com a polícia, o rapaz não resistiu à abordagem. Com ele, os policiais encontraram 25 buchas de maconha. O adolescente apreendido confessou que participou de um tiroteio no dia 10 de fevereiro, dia da morte da professora Mirian Rocha Tavares Peixoto, de 40 anos. 

Ele confessou também que matou o próprio tio, José Walter Contes. O crime aconteceu no dia 24 de fevereiro, duas semanas depois da morte da professora Mirian. O motivo, segundo o menor, é que o tio tinha pego droga dele. O adolescente foi encaminhado à unidade de internação de menores.

O crime

A professora Mirian morreu quando seguia para a escola Juiz Jairo de Mattos Pereira, na Avenida Leopoldina, em São Torquato. Durante uma troca de tiros, ela foi baleada nas costas, chegou a ser levada para o Hospital Evangélico, mas não resistiu aos ferimentos. 

A polícia suspeita que o tiroteio envolveu gangues rivais da região. De acordo com a polícia, o Morro Boa Vista, em São Torquato, onde mora o adolescente detido, está em constante disputa pelo comando do tráfico de drogas com as gangues de Cobi de Baixo, Cobi de cima e Alvorada.