Motorista de aplicativo é assaltado por falsos passageiros e ameaçado de morte em Vila Velha

Polícia

Motorista de aplicativo é assaltado por falsos passageiros e ameaçado de morte em Vila Velha

Segundo a vítima, os criminosos anunciaram o assalto logo após o embarque

Foto: Reprodução TV Vitória

Mais um motorista de aplicativo foi alvo de criminosos na Grande Vitória. O homem de 44 anos foi rendido por dois assaltantes enquanto trabalhava. Os suspeitos deram um golpe conhecido como "gravata" e o ameaçaram de morte.  

O crime aconteceu na quinta-feira (20) e, segundo a vítima, os criminosos anunciaram o assalto logo após o embarque. "Falei para levarem o meu dinheiro, o celular, mas deixar pelo menos meus documentos e minha vida. Eles gritaram, me ameaçaram e disseram que iam me matar", contou. 

O homem contou ainda que durante o dia trabalha em uma empresa e também atua como motorista de aplicativo para ter uma renda extra. Segundo a vítima, os suspeitos estavam nervosos e ele chegou a desconfiar que seria vítima de um crime. "Quando cheguei achei estranho. Fiquei com medo, mas não tinha como voltar. A rua era muito estreita", lembrou.  

Crimes contra trabalhadores da área são cada vez mais comuns. No Espírito Santo, são cerca de 19 mil profissionais cadastrados em alguma plataforma. Segundo a Associação de Motoristas de Aplicativo do Estado, diariamente, são registrados entre cinco a sete assaltos. 

Nesta semana, a equipe de reportagem da TV Vitória/Record TV já mostrou seis casos diferentes. Em um desses, a vítima foi uma mulher. A condutora foi rendida por dois homens na orla da Praia de Itaparica, em Vila Velha

Na mira de uma arma, ela dirigiu até o bairro Soteco, também em Vila Velha. A mulher foi jogada para fora do veículo e os criminosos fugiram com o carro. Como o veículo tinha rastreador, ele foi localizado abandonado no Ibes e recuperado.

*Com informações da repórter Suellen Araújo, da TV Vitória/Record TV.