Dupla é presa suspeita de usar facão para fazer arrastão em ônibus do Transcol em Vila Velha

Polícia

Dupla é presa suspeita de usar facão para fazer arrastão em ônibus do Transcol em Vila Velha

Segundo uma das vítimas, os homens embarcaram quando o ônibus passava no bairro Cobilândia, em Vila Velha, e, depois de pularem a roleta, dançaram e cantaram funk

A dupla foi identificada com a ajuda de testemunhas Foto: TV Vitória

Uma dupla foi presa suspeita de usar um facão para fazer um arrastão dentro de um ônibus do sistema Transcol no último domingo (15), em Vila Velha.

De acordo com informações da polícia, os suspeitos, identificados como Alessandro de Souza Vieira, de 22 anos, e Agnilson da Silva Santos, de 32 anos, renderam doze pessoas dentro do coletivo, que faz a linha Terminal de Vila Velha a Terminal de Campo Grande.

Segundo a manicure Lia Mar Meireles, os homens embarcaram quando o ônibus passava no bairro Cobilândia, em Vila Velha. Ela conta que, depois de pularem a roleta, os dois dançaram e cantaram funk. “Eles sambaram em frente à roleta e disseram ‘perdeu motorista’. Pegaram um facão e seguiram em frente”, relata. 

Outra passageira, a manicure Ritiely Lanara, disse que foi rendida com o facão. “Eu fui tentar esconder meu celular dentro da calcinha e ele pediu o aparelho. Quando eu disse não, ele apontou a faca pra mim. Aí eu entreguei o celular”, conta.

Alessandro e Agnilson foram presos minutos depois de cometerem o roubo, graças à ajuda da população, que avisou os militares que faziam a ronda. Com a dupla, a polícia recuperou os pertences das vítimas, dez celulares e dinheiro, e o facão usado no arrastão.

O motorista do coletivo, que prefere não se identificar, tem 28 anos de profissão e já foi alvo dos bandidos por quatro vezes. Para ele, o jeito é pedir proteção a Deus. “A gente não tem costume de lidar com a violência, a gente lida porque é nosso dia a dia do trabalho. Infelizmente não tem como a gente fazer nada. Quando saio de manhã para trabalhar, eu peço a Deus para me proteger”, disse.