Suspeito de assalto morre após trocar tiros com a polícia em perseguição na BR-262, em Viana

Polícia

Suspeito de assalto morre após trocar tiros com a polícia em perseguição na BR-262, em Viana

Cristiano e os comparsas assaltaram e fizeram duas mulheres reféns; A polícia foi acionada e durante uma troca de tiros, o homem foi baleado. Os outros suspeitos acabaram presos

Carro usado pelos suspeitos Foto: TV Vitória

Um homem morreu após trocar tiros com a polícia durante uma perseguição na noite da última quinta-feira (03), na BR-262, em Viana. Rafael Gonçalves, de 23 anos, e outros dois jovens são suspeitos de assaltarem e sequestrarem duas mulheres. 

Segundo informações da polícia, as mulheres seguiam de carro pela BR-262 quando, na altura de Marechal Floriano, perceberam que estavam sendo seguidas. O veículo de trás estava com um giroflex ligado e por isso, as vítimas acharam que era um carro policial. Ao pararem o veículo, elas foram rendidas pelos três suspeitos. 

As mulheres foram feitas reféns e obrigadas a abastecer os dois carros em um posto de combustíveis, às margens da rodovia. Depois, elas foram levadas até um banco, onde sacaram R$ 2 mil e entregaram aos criminosos. As vítimas foram deixadas em um ponto de táxi e logo acionaram a polícia.

Os militares localizaram os suspeitos após 30 minutos. Houve perseguição e troca de tiros. No tiroteio, Rafael Gonçalves, 23 anos, foi atingido por um dos disparos. Ainda assim, o trio conseguiu entrar em outro posto de gasolina, em Viana. Dois funcionários foram feitos reféns e momentos depois, os suspeitos se entregaram.

Rafael chegou a ser socorrido por uma ambulância, mas não resistiu aos ferimentos. Os comparsas dele, identificados como Jeferson da Silva Santana e Jordan Ferreira estavam com  um revolver calibre 38 e uma pistola ponto 40. Dentro do carro, a polícia encontrou um revolver calibre 380, uma toca ninja e munição.

Os dois suspeitos foram levados para o Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de Cariacica. Segundo a polícia, o carro utilizado no assalto é roubado.

Inicialmente, o nome do suspeito de participar do sequestro e morto no último dia 03, foi divulgado como Christiano Ribeiro Oliveira, 26 anos. No entanto, neste sábado (05), a Polícia Civil informou que o nome do acusado é, na verdade, Rafael Gonçalves, 23 anos. O indivíduo após ser atingido por disparo de arma de fogo foi encaminhado ainda com vida ao Pronto Atendimento Arlindo Vilaschi, em Viana, e lá deu entrada com o nome de Christiano, pois estava portando uma identidade falsa. Posteriormente, no Departamento Médico Legal foi identificado com o verdadeiro nome.

Pontos moeda