• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Auxiliar de pedreiro é rendido e tem até marmita roubada por criminosos em Cariacica

Polícia

Auxiliar de pedreiro é rendido e tem até marmita roubada por criminosos em Cariacica

Vítima havia acabado de sair de casa e seguia para o trabalho de moto, quando foi abordada pelos assaltantes. Também foram levados o veículo e o celular da vítima

Vítima seguia para o trabalho quando foi assaltada Foto: TV Vitória

Um auxiliar de pedreiro foi rendido por bandidos armados e teve até a marmita que carregava para o trabalho levada pelos criminosos. O assalto aconteceu no bairro Valparaíso, em Cariacica, nesta quinta-feira (08). Além da marmita, os assaltantes roubaram o celular da vítima, que estava quebrado, e uma moto de 150 cilindradas vermelha, com apenas um ano e três meses de uso. 

Morador do bairro São Gabriel, o rapaz conta que seguia para o trabalho, com a motocicleta, quando foi abordado por dois rapazes a pé. Armados, eles ordenaram que a vítima descesse da moto. Assustado, o rapaz chegou a pensar que seria morto.

"Para mim veio isso na mente. Ladrão hoje em dia só quer roubar e machucar a vítima ainda. Aí vem o desespero, nunca passei por isso. Falaram 'desce da moto, passa tudo'. Levaram meu celular, que estava quebrado ainda, e minha marmita, que tinha dois pães dentro", contou.

Moto tinha apenas um ano e três meses de uso Foto: Reprodução

Desesperado, o auxiliar de pedreiro conta que ainda deve 20 prestações da moto e faz um apelo para que as pessoas ajudem a recuperar o veículo. "Peço ajuda a quem puder ver e ligar. Agradeço muito e Deus vai recompensar".

A expectativa da vítima é que, como a região onde aconteceu o crime é repleta de estabelecimentos comerciais, alguma câmera de videomonitoramento possa ter flagrado a ação dos bandidos e ajude a polícia a identificar os criminosos. O rapaz registrou boletim de ocorrência e agora aguarda pelas investigações.

O auxiliar de pedreiro, no entanto, não foi a única vítima de assaltos pela região. Comerciantes também reclamam do aumento da insegurança no local. Somente uma loja de autopeças foi roubada três vezes em um ano.

Segundo a Polícia Militar, o policiamento foi intensificado com operações de blitz na região. Além disso, a polícia diz que faz patrulhamento com viaturas e convida os moradores para as reuniões com a comunidade, realizadas todo mês. Informações sobre essas reuniões podem ser obtidas com a liderança comunitária.