• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Motorista de aplicativo tem carro roubado e veículo é encontrado batido em Vila Velha

Polícia

Motorista de aplicativo tem carro roubado e veículo é encontrado batido em Vila Velha

Segundo a vítima, o suspeito seria o filho de um PM, mas a informação não foi confirmada

O carro foi batido logo após o assalto | Foto: Patrícia Battestin / TV Vit´ória

Um motorista cadastrado em um aplicativo de transporte teve o carro roubado na madrugada desta sexta-feira (20), no bairro Aribiri, em Vila Velha. Meia hora depois do assalto, a polícia encontrou o veículo batido. Um suspeito foi levado para a delegacia, mas a Polícia Civil não informou o nome. Segundo a vítima, o suspeito seria filho de um PM.

A frente do carro ficou toda amassada após o crime. Antes do assalto, o proprietário estava trabalhando. Foi quando recebeu o chamado para uma corrida. As passageiras estavam saindo de uma boate em Itaparica. Tudo aconteceu na hora de finalizar a viagem. "Ele me fechou, impedindo a minha saída. Nisso, saíram duas pessoas e obrigaram as meninas a saírem. Disseram pra eu deixar o celular, mas não levaram nada das passageiras", relatou a vítima, que não quis ser identificada.

Três assaltantes participaram do crime. Ao longo do trajeto, eles perderam o controle e bateram. A vítima procurou a polícia logo após o assalto, passou modelo, placa do carro e características dos bandidos. Cerca de uma hora após o roubo ele foi informado de que o carro havia sido encontrado.

Segundo a vítima, quando a polícia encontrou o carro, havia um homem próximo ao veículo. Ele falou que só estava ali por curiosidade, pois viu o carro batido. Mas um detalhe deixou os policiais desconfiados. O homem estava descalço e dentro do carro, havia um par de chinelos. O motorista foi levado até o local e reconheceu o homem como um dos assaltantes. "Ele não mora por alí e estava lá, do nada, descalço e o chinelo dentro do meu carro", contou.

Os outros dois bandidos não foram localizados. O suspeito reconhecido pela vítima, que não teve o nome divulgado, foi levado para a Delegacia Regional de Vila Velha. No local, o motorista recebeu uma notícia que o surpreendeu. "Descobri que ele era filho de um policial", afirmou a vítima.

Para a imprensa, a polícia não confirmou nem negou essa informação. Para a vítima, essa suspeita indigna ainda mais. A Polícia Civil também não informou se o suspeito foi autuado.