Preso no Estado acusado de aplicar golpes da venda de terrenos

Polícia

Preso no Estado acusado de aplicar golpes da venda de terrenos

Roberto Marques Rocha, de 54 anos, era proprietário de uma imobiliária em Vila Velha e atraía vítimas para o golpe. Organização realizou mais de 50 vendas ilegais

Suspeito de estelionato é preso no sul do Estado Foto: Divulgação/PC

A Polícia Civil prendeu, nesta quarta-feira (13) em Marataízes, um suspeito de estelionato por integrar uma organização criminosa que atua na venda ilegal de terrenos. 

Roberto Marques Rocha, de 54 anos, era proprietário de uma imobiliária em Vila Velha e vinha sendo investigado desde 2009. Investigações do Núcleo de Operações Especiais (Nuroc) apontam que a organização realizou mais de 50 vendas ilegais de terreno em Vila Velha e que Roberto seria um dos responsáveis por atrair as vítimas do golpe.

O acusado ainda estava foragido por ter praticado um homicídio no Rio de Janeiro. O criminoso será encaminhado para o Centro de Triagem de Viana, onde permanecerá à disposição da justiça.

Outros suspeitos de integrarem essa organização já foram presos, dentre eles Julio Mario de Farias, que continua detido no sistema prisional estadual. Ele se passava por proprietário dos terrenos, e juntamente com Roberto e outros corretores de sua imobiliária, praticava o estelionato.