Polícia realiza prisões e desvenda morte de homem atingido por 34 tiros na Serra

Polícia

Polícia realiza prisões e desvenda morte de homem atingido por 34 tiros na Serra

Segundo as investigações, a ordem do crime partiu de dentro do presídio; o rapaz que morreu também tinha envolvimento com o tráfico de drogas

Foto: Reprodução
Douglas Ferreira Caser, vítima 

A Polícia Civil do Espírito Santo, por meio da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa da Serra, conseguiu solucionar o assassinato de Douglas Ferreira Caser, que foi atingido por 34 tiros em Laranjeiras, na Serra, em junho deste ano. 

Segundo as investigações, o rapaz, que tinha envolvimento com o tráfico de drogas, foi confundido com outro traficante e morreu por engano.

O circuito de videomonitoramento da região onde aconteceu o crime foi o ponto de partida para as investigações. 

Nas imagens, é possível ver três criminosos saindo de um carro branco e indo em direção a um veículo estacionado num posto de combustíveis. Segundo a polícia, mais de 70 disparos foram feitos contra a vítima, que estava dentro do veículo.

Porém, o homem atingido pelos tiros não era o alvo dos criminosos. Segundo a polícia, o rapaz era traficante de Vila Nova de Colares e foi confundido com um traficante do bairro André Carloni.

Depois de dois meses de investigação os policiais concluíram que nove pessoas participaram do crime. Oito envolvidos já foram identificados e cinco estão presos. São eles:

Foto: Reprodução TV Vitória

- Ramon de Aguiar Melo, 27 anos, que segundo a polícia é o mandante do crime que deu a ordem de dentro do presídio; (Está preso desde 2017)

- Cláudio Salvador Fiorot, de 46 anos, advogado de Ramon; (Está foragido)

- Douglas Rodrigues Bernardo, o 'DG', de 41 anos, acusado de planejar e organizar o esquema do homicídio; (Está preso desde junho de 2020)

- Gabriel Augusto dos Santos, o 'Blake', 26 anos , líder do tráfico no Morro da Garrafa; (Está foragido)

- Paulo Renato Micaella dos Anjos Pereira, o 'PR', de 20 anos, um dos executores e procurado pela Polícia Federal por assalto aos Correios; (Preso desde junho de 2020)

- Lucas Soares Martins, o 'Cara de Urso', de 24 anos , apontado como um dos executores; (Está foragido)

- Artur da Silva do Nascimento , o 'Dois T', Foi quem dirigiu para os executores e os esperou no carro durante o assassinato; (Preso desde julho de 2020)

- Paulo Henrique Nascimento dos Santos, de 25 anos, motorista de aplicativo que atraiu a vítima para o local do crime; (Preso desde julho de 2020)

Buscas continuam

Segundo a polícia, a ordem do assassinato partiu de dentro do presídio e que Ramon de Aguiar, mesmo preso, tenta retomar o controle do tráfico de drogas no bairro André Carloni.

Os foragidos continuam sendo buscados pelos policiais. Quem tiver informações sobre a localização deles, pode fazer uma denúncia anônima no telefone 181.

* Com informações da repórter Nathália Munhão, da TV Vitória / Record TV