Criança é vítima de bala perdida durante tiroteio em Cariacica

Polícia

Criança é vítima de bala perdida durante tiroteio em Cariacica

Moradores relataram que tem ocorrido tiroteios frequentes na região de Nova Rosa da Penha desde o início da semana. Helicóptero do Noater foi acionado e sobrevoou a região

Foto: Reprodução TV Vitória

Um menino de 11 anos foi ferido no pé durante um tiroteio no final da manhã desta quinta-feira (12), em Nova Rosa da Penha, Cariacica. 

Segundo moradores, que não quiseram se identificar, a criança estava na rua 26, em Nova Rosa da Penha I. 

O menino foi socorrido, levado para o Pronto Atendimento do bairro e, em seguida, encaminhado para o Hospital Infantil e Maternidade Alzir Bernardino Alves, o Himaba, em Vila Velha.

Uma moradora disse que tiros foram ouvidos às 11h. Em seguida, apareceu uma patrulha da Polícia Militar. O helicóptero do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo (Notaer) sobrevoou a região atrás de suspeitos.


A Polícia Militar informou que foi acionada para verificar a informação de que uma criança havia dado entrada no Pronto Atendimento de Nova Rosa da Penha I, ferida por um disparo de arma de fogo. 

A mãe do menino contou aos policiais que ele brincava no quintal de casa quando ouviu disparos e percebeu que havia sido atingido no pé. No entanto, ninguém soube relatar sobre autoria dos disparos.

Ainda de acordo com a polícia, a equipe foi surpreendida por um grupo de quatro indivíduos que atiraram contra a guarnição, que revidou a agressão. Os criminosos conseguiram fugir e não foram mais localizados. 

No entanto, pelo trajeto feito por eles a polícia apreendeu uma pistola calibre 9 milímetros, 10 munições de mesmo calibre, 19 buchas de maconha e 187 pedras de substância de crack, que foram entregues à Delegacia Regional de Cariacica.

Escolas e comércio estão funcionando normalmente. Os coletivos do Transcol não pararam de circular no bairro. 

Segundo os moradores, os tiroteios têm sido frequentes desde o início desta semana. Ainda não há informações sobre o estado de saúde da criança atingida.

*Com informações de Suellen Araújo, da TV Vitória/Record TV