Frei que atuava em Vila Velha é agredido durante assalto a paróquia

Polícia

Frei que atuava em Vila Velha é agredido durante assalto a paróquia

Os bandidos fugiram levando um automóvel, dinheiro, moedas e cheques da paróquia. O carro já foi recuperado, mas nenhum suspeito do crime foi preso

O frei Ladí já foi liberado do hospital e passa bem Foto: Reprodução Facebook

Os freis da Igreja Santa Inês, em Balneário Camboriú, Santa Catarina, viveram momentos de pânico na última quarta-feira (17). Isso porque três homens armados invadiram a casa paroquial e agrediram os freis Ladí Antoniazzi, que já atuou no Espírito Santo, e Roberto Carlos Nunes. Eles precisaram de atendimento médico após a ação dos criminosos.

Segundo a paróquia, o frei Ladí, que atuou em uma paróquia de Vila Velha, passou a quinta-feira (17) em observação em um hospital do município. Ele já foi liberado e de acordo com a secretaria da igreja, passa bem. “Foram momentos complicados, assustadores, mas tudo já está voltando ao normal”, disse uma das secretárias da paróquia.

De acordo com um jornal de Santa Catarina, os bandidos fugiram levando um automóvel, dinheiro, moedas e cheques da paróquia. O carro já foi recuperado, informou a secretaria da Igreja Santa Inês, mas nenhum suspeito foi preso.