Frentista é agredida por homem em posto de combustíveis na Serra

Polícia

Frentista é agredida por homem em posto de combustíveis na Serra

A vítima contou que o homem já chegou bastante alterado no posto de gasolina e que além da agressão física também foi ameaçada por ele

Redação Folha Vitória

Redação Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória

Uma frentista foi agredida por um homem de 58 anos, em um posto de combustíveis do bairro Carapina, na Serra. O crime aconteceu na noite do último sábado e o suspeito foi detido pela Guarda Municipal. 

O homem saiu do carro em que estava e caminhou em direção à mulher que, no momento, estava atendendo um outro cliente. Houve uma discussão entre eles.

Em um certo momento, a atendente pega a maquininha de cartão e continua fazendo seu trabalho. Inconformado, o rapaz agride a moça com um soco no peito. Outra funcionária aparece e discute com o suspeito.

O suspeito entra novamente no carro e vai embora. A vítima contou que o homem já chegou bastante alterado no posto de gasolina e que além da agressão física também foi ameaçada por ele.

"Eu estava atendendo um cliente, recebendo o pagamento quando ele chegou  gritando. Eu falei que eu já ia atendê-lo. Começou a gritar, me xingar e falou que ia me arrepender. Quando me virei, ele me deu um soco no peito. Falei para ele que não ia abastecer o carro dele e que ia chamar a polícia", relatou.

Logo depois que o indivíduo saiu do posto de gasolina, uma viatura da Guarda Municipal passou pelo local. A frentista parou os agentes e contou o que tinha acontecido. Ela passou todas as características do suspeito e do veículo para a equipe da guarda.

"Fazia patrulhamento por Carapina, quando a vítima parou a viatura, chorando e disse que foi agredida e ameaçada por um homem. Posse das características, as equipes passaram por Carapina Grande", contou o agente Dias.

Cerca de 20 minutos depois o homem foi localizado pelos agentes em outro bairro. O suspeito estava com um amigo no carro e os dois receberam ordem de parada.

>>> Leia também: Enfermeira é assassinada com nove tiros em Conceição do Castelo

Durante a abordagem, os agentes sentiram um forte cheiro de bebida alcoólica e encontraram uma faca na cintura do suspeito. Para a guarda ele contou que parou no posto de gasolina para abastecer o carro, mas que por causa da demora no atendimento foi tirar satisfação com a funcionária.

"Havia um odor etílico, possivelmente ele teria ingerido bebida alcoólica. Ele disse que parou o veículo para abastecer e, por causa da demora, foi falar com a frentista. As imagens do posto mostram que ele foi até a vítima agressivo e deu um soco nos seios `", contou Dias.

O homem foi detido e encaminhado para a Delegacia Regional da Serra. Já o amigo dele foi liberado. De acordo com agentes, o homem já tinha passagens na justiça por violência doméstica. 

*Com informações da repórter da TV Vitória/Record TV, Gabriela Valdetaro