Número de mortos pela Polícia Militar em São Paulo cresce 150%

Polícia

Número de mortos pela Polícia Militar em São Paulo cresce 150%

Redação Folha Vitória

São Paulo - Entre julho e setembro deste ano, 80 pessoas foram mortas em confronto com a Polícia Militar na capital paulista, de acordo com dados da Secretaria da Segurança Pública de São Paulo (SSP). Esse número representa um aumento de 150% em comparação com o mesmo período de 2013, quando 32 ocorrências foram registradas.

Segundo a PM, as mortes decorrentes de intervenção policial acontecem, em geral, em casos de crime contra o patrimônio. "Nesses tipos de ocorrência, a opção pelo confronto nunca é da polícia, mas do infrator", aponta a corporação como outra razão para o crescimento.

Para o diretor adjunto da Conectas Direitos Humanos, Marcos Fuchs, há mais confronto entre polícia e criminosos. "O policiamento voltou à forma como era feito antes da Resolução nº5, que tinha por objetivo diminuir os casos de resistência seguida de morte, protegendo o local do crime", afirma.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.