Garota de programa ameaça cliente por não pagar encontro e acaba esfaqueada em Vitória

Polícia

Garota de programa ameaça cliente por não pagar encontro e acaba esfaqueada em Vitória

Crime foi registrado no bairro Maria Ortiz, em Vitória. No local, segundo moradores, funcionariam duas casas de prostituição. A polícia vai investigar o caso

Crime aconteceu em Maria Ortiz, Vitória Foto: TV Vitória

Uma garota de programa foi esfaqueada por um cliente, em VitóriaDe acordo com a polícia, horas antes do crime, o suspeito chegou a fazer um programa com a vítima. O homem teria prometido voltar mais tarde para repetir, mas com uma amiga dela. A identidade da vítima não foi divulgada.

O homem estaria revoltado com uma atitude da garota de programa que, inconformada com a falta de pagamento do serviço, a mulher teria ameaçado revelar o encontro à esposa do cliente. Depois de quitar a dívida, o suspeito estaria disposto a se vingar.

Moradores da região afirmam que ficaram assustados com o que aconteceu. “A gente já havia avisado a polícia que isso iria acontecer, e isso poderia ter acontecido com um dos moradores. A gente convive no meio de tudo que é errado por causa desse prostíbulo aqui”, conta uma moradora do bairro que não quis se identificar.

A garota de programa estava em um dos dois prédios onde, segundo a comunidade, funcionariam casas de prostituição, no bairro Maria Ortiz, em Vitória. A vítima saiu correndo e pedindo socorro, depois de ser esfaqueada, no quarto, por um cliente.

“A mulher saiu gritando para o meio da rua dizendo que um cliente havia a esfaqueado. Um amigo em um carro a socorreu e disse que tinha levado oito ou dez facadas”, diz a moradora.

Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) informou que a vítima está consciente, mas não autorizou ao hospital a divulgar o estado de saúde.