Esquadrão antibombas é acionado após granada caseira ser encontrada em Vila Velha

Polícia

Esquadrão antibombas é acionado após granada caseira ser encontrada em Vila Velha

Segundo agentes da Guarda Municipal, o suspeito jogou o artefato, correu, pulou muros e conseguiu fugir. O caso aconteceu no bairro Ilha das Flores

Foto: Divulgação/ Polícia Militar

Uma granada caseira foi encontrada por agentes da Guarda Municipal de Vila Velha, na manhã desta segunda-feira (18), no bairro Ilha das Flores. 

Segundo a Guarda, após a morte de um homem conhecido como “Cotinha”, que teria ligação com o tráfico de drogas, vários vídeos foram publicados nas redes sociais como forma de ostentar poder. Em um dos vídeos, o irmão do rapaz foi identificado entrando em uma residência. 

Uma equipe da Guarda Municipal recebeu as informações e esteve no bairro. Durante o patrulhamento, os agentes viram um adolescente armado com uma submetralhadora de fabricação caseira. 

Segundo o agente Schultz, da Guarda Municipal, o suspeito jogou um artefato e saiu correndo. Ele pulou muros e conseguiu fugir.

"A viatura prosseguiu até o local quando se deparou com o indivíduo. Fomos dar voz de prisão e ele entrou em um beco. Ele liberou um artefato e pulou um muro. Em buscas na residência, encontramos as submetralhadoras e munições", disse.  

Foto: Divulgação/ Guarda Municipal de Vila Velha

Durante as buscas, os agentes encontraram duas submetralhadoras, 44 munições ponto 380 e uma calibre 12, um soco inglês, uma granada, um coldre e uma touca ninja.

O local foi isolado e o esquadrão antibomba do Batalhão de Missões Especiais foi acionado. Os técnicos detonaram a bomba, que era composta de presos e outros objetos cortantes.

No sábado (16), o Esquadrão Antibombas detonou outro artefato. Um casal encontrou o objeto na Praia do Suá, em Vitória. A rua precisou ser interditada. Comércios e clínicas da região foram fechados.

Uma das hipóteses levantadas pela polícia é que alguém teria passado pela rua com o explosivo, e para não ser abordado, teria despejado o objeto, mas ainda ninguém foi identificado. 

*Com informações das repórteres Fernanda Batista e Gabriela Valdetaro, da TV Vitória/Record TV.

LEIA TAMBÉM:

>> Costureira é agredida e tem casa destruída pelo ex-companheiro em Cariacica

>> Irmãos assassinados: padrasto de 17 anos que integrava organização criminosa era alvo dos tiros

>> Fim de semana violento: Pelo menos 10 pessoas foram assassinadas no ES