• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Dono de circo vai parar na delegacia por causa de ligação clandestina na Serra

Polícia

Dono de circo vai parar na delegacia por causa de ligação clandestina na Serra

O proprietário do circo foi levado para a Delegacia de Segurança Patrimonial de Vitória. Segundo a Escelsa, o furto de energia pode provocar sobrecarga

O furto foi constatado em Barcelona Foto: Divulgação EDP Escelsa

O proprietário de um circo foi parar na delegacia, acusado de manter ligações clandestinas de energia, no bairro Barcelona, na Serra. O circo está montado na Avenida Petrópolis. De acordo com peritos da Polícia Civil e técnicos da EDP Escelsa, a ligação caracterizava furto. 

A EDP Escelsa informou que, durante a inspeção, a ligação irregular foi desligada e o responsável pelo circo, que estava no local, foi levado para a Delegacia de Segurança Patrimonial de Vitória. Além do processo criminal, o empresário irá arcar, conforme a regra da Resolução Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), com a cobrança de toda energia não faturada durante o período da irregularidade e o custo administrativo.

Segundo a Escelsa, o furto de energia pode provocar sobrecarga na rede elétrica com prejuízo para a população que sofre com a falta do fornecimento em suas residências e ruas ou, por exemplo, com danos aos equipamentos elétricos devido à queda na qualidade da energia.

Entre os acidentes que podem ocorrer quando são realizadas intervenções irregulares na rede elétrica, tanto para os usuários, bem como moradores, vizinhos e demais pessoas próximas à fiação irregular, estão o choque elétrico, curto circuito e incêndios.

A EDP pede que a população contribua e denuncie ligações irregulares. Para isso, ela disponibiliza canais de atendimento, como o Call Center (0800 721 0707), as agências de atendimento ao cliente e o site www.edp.com.br.