Gerente comercial é encontrado morto pela mãe em apartamento em Baixo Guandu

Polícia

Gerente comercial é encontrado morto pela mãe em apartamento em Baixo Guandu

No corpo de Jonas Felipe Mendes da Silva, de 28 anos, a polícia encontrou oito marcas de tiros, todas nas costas. Polícia ainda não tem informações sobre autoria e motivação do crime

Jonas foi encontrado morto na manhã deste domingo Foto: Reprodução

Um gerente comercial foi encontrado morto dentro do apartamento em que morava, no centro de Baixo Guandu, região noroeste do Estado, na manhã deste domingo (25). No corpo de Jonas Felipe Mendes da Silva, de 28 anos, a polícia encontrou marcas de tiros.

O corpo do rapaz foi encontrado pela mãe dele, por volta das 11 horas. De acordo com a Polícia Militar, ela disse que havia ido ao apartamento do filho e, após chamá-lo várias vezes, conseguiu entra no local. Ao entrar no quarto, o viu caído sobre a cama, com marcas de tiros nas costas.

A mãe da vítima ainda chamou uma ambulância, mas os socorristas constataram que o rapaz já estava sem vida. Peritos da Polícia Civil também foram acionados e encontraram oito perfurações de tiros, todos nas costas de Jonas.

Ainda segundo os peritos, a arma utilizada no crime possivelmente foi um revólver calibre 38. No local, foram encontrados dois prejetis. Vizinhos disseram não ter ouvido barulhos de tiros durante a noite e madrugada.

À Polícia Militar, o proprietário do imóvel relatou ter visto, na noite anterior, o carro de um amigo de Jonas estacionado na frente do prédio. Segundo ele, esse amigo frequentava regularmente o apartamento da vítima e até tinha as chaves do imóvel.

Jonas era gerente de uma loja de eletrodomésticos no município. Testemunhas disseram que o rapaz era bastante tranquilo e conhecido na região.

A Polícia Civil do município vai investigar o crime. Até o momento, não há informações sobre autoria e motivação do homicídio. Quem tiver qualquer informação que possa ajudar o trabalho da polícia deve entrar em contato com o disque-denúncia, pelo telefone 181. Não é preciso se identificar.

Confira o vídeo: