Lavrador é preso por furtos e roubos ocorridos na zona rural de Castelo

Polícia

Lavrador é preso por furtos e roubos ocorridos na zona rural de Castelo

Durante as investigações, ele foi identificado como autor de um roubo a uma residência e outro em uma mercearia, e dois furtos em duas residências. O suspeito nega as acusações

Os pertences das vítimas dos furtos e dos roubos foram localizados na residência no lavrador, no interior de Castelo Foto: ​Divulgação/PC

Na tarde da última terça-feira (20), a Polícia Civil de Castelo identificou e prendeu um lavrador de 34 anos, suspeito de ser autor de furtos e roubos ocorridos no interior do município nas últimas semanas. Reginaldo Ferreira Luzório foi detido em sua residência, na localidade de Caxixe Quente. Ele nega participação nos crimes.

De acordo com o delegado Marcelo Meurer Ramos, a ex-mulher de Reginaldo procurou a polícia e contou que estava desconfiada do lavrador, pois ele levava vários aparelhos eletrônicos para casa e não falava como tinha conseguido. “Já estávamos apurando os crimes, quando recebemos a denúncia. Conseguimos uma foto do lavrador e batia com a descrição que a vítima tinha nos passado”, comenta.

No assalto à mercearia, na localidade de Macuco, e no roubo a uma residência, na localidade de Caxixe, Reginaldo chegou a agredir as vítimas. “Como estava tudo descrito na ocorrência da Polícia Militar, fomos até sua residência e conseguimos localizar os pertences das vítimas. Ele disse que tinha comprado tudo de um usuário de drogas, mas as versão são sem sentido”, continua Meurer.

Na residência de Reginaldo, os policiais encontraram: televisões, bombas d’água, ventiladores, panelas elétricas, roupas de cama, máquina de costura, oito fardos com 12 garrafas de cachaça cada um, dois fardos de cerveja com 12 latas cada, 20 quilos de carne, relógios e joias, além de munição. Em um dos roubos, ele chegou a levar dinheiro, mas a quantia não foi localizada.

“Ele usava uma arma para cometer os crime, mas não localizamos. Não descartamos mais pessoas envolvidas, mas como tudo foi encontrado em sua residência, não podemos afirmar que tenha mais pessoas envolvidas”, completa o delegado.

Reginaldo foi autuado em flagrante por receptação, posse ilegal de munições de ameaças a ex-esposa. Ele foi encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cachoeiro.