“Homem-Aranha” volta a atacar e revira apartamento de advogada em Jardim da Penha

Polícia

“Homem-Aranha” volta a atacar e revira apartamento de advogada em Jardim da Penha

O suspeito foi flagrado pelas câmeras de segurança do prédio. Ele ainda chegou a usar um latão de lixo para conseguir escalar e entrar nos apartamentos

O acusado ainda levou uma bicicleta Foto: TV Vitória

O assaltante conhecido como “Homem-Aranha” voltou a agir em prédios do bairro Jardim da Penha, em Vitória. Desta vez ele invadiu o apartamento de uma advogada, que preferiu não ser identificada. Ela contou que a residência foi toda revirada após a passagem do suspeito pelo local, na madrugada da última quarta-feira (24).

As câmeras de segurança do edifício flagraram a entrada e saída do suspeito. Ele chegou a tirar o portão do trilho para conseguir entrar. Dentro do condomínio, ele pegou um latão de lixo, encostou na parede e começou a escalar. Em poucos minutos teve acesso a um apartamento.

“Ele entrou primeiro no meu vizinho de frente da área de serviço e vasculhou. Era de um senhor de idade que estava viajando e provavelmente não tinha muita coisa de valor. Ele pegou uma faca e veio para o meu apartamento”, contou a vítima. 

A advogada revelou que após conseguir a faca na casa do vizinho, o suspeito cortou a rede de proteção da área de serviço do apartamento dela e entrou. Toda a família estava dormindo. O criminoso circulou por todos os cômodos em busca de objetos de valor.

“Ele pegou os meus dois telefones que estavam carregando na cabeceira da minha cama, onde eu dormia, pegou um tablete que estava no quarto do meu filho, pegou minha bolsa que estava em cima da mesa de jantar e voltou para a área de serviço para sair pelo mesmo lugar que ele entrou”, disse a mulher.

O assaltante ficou no condomínio por quase uma hora. Não satisfeito com o que pegou nos apartamentos, antes de sair ainda furtou a bicicleta de uma moradora que estava na garagem. A advogada contou que a família só percebeu que o apartamento havia sido invadido pela manhã.

No início deste mês outro apartamento, também em Jardim da Penha, foi invadido. Ele procurou por objetos de valor e só não teve sucesso porque o Tico, cachorro da família, sentiu que alguma coisa estava errada dentro de casa e começou a latir.