Lúcia Dornelas é indicada para presidir a Aderes

LuciaDornelas_13022013_media_AADepois de muita articulação, a ex-deputada Lúcia Dornellas (PT) foi indicada pelo governador Paulo Hartung (PMDB) para assumir a direção da Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo do Espírito Santo (Aderes). Embora não estivesse no palanque do atual Governo, o PT vem ganhando espaço no Palácio Anchieta. No final do ano passado, a ex-deputada, no entanto, foi uma poucas que votaram pela aprovação das contas do ex-governador Renato Casagrande (PSB). Lúcia foi de encontro ao movimento liderado por um grupo de colegas para barrar o relatório que já tinha, inclusive, sido aprovado pelo Tribunal de Contas. Pode parecer contraditório agora ela ganhar o cargo, mas no jogo político, como dizem, tudo pode acontecer.

Na folia
Bastante animado no Sambão do Povo, o diretor do Detran-ES, Fabiano Contarato, tentou cumprimentar algumas autoridades que estavam no local curtindo a folia. Só que algumas delas evitaram aproximação, principalmente aquelas que tiveram seus nomes divulgados na lista dos motoristas com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa.

Manobra
Durante sessão nesta segunda-feira, o deputado Cacau Lorenzoni (PP) foi advertido pelo colega Gilsinho Lopes (PR). É que Cacau ocupava uma cadeira na Mesa e estava fazendo a leitura do expediente sem que tivesse registrado presença no painel eletrônico, uma manobra para evitar a votação da abertura da CPI do Pó Preto.

Pó preto
Centro das atenções, principalmente após a crise hídrica, o problema do pó preto voltou a ser discutido tanto na Assembleia quando nas câmaras municipais. Em Vila Velha, o vereador Osvaldo Maturano (Pros) promove a primeira audiência pública na cidade para encontrar uma solução para amenizar os efeitos na vida da população. O encontro acontece na Câmara, a partir das 19 horas.

Nome trocado
Está difícil os deputados pronunciarem o nome correto dos novatos na Assembleia. Eliana Dadalto já foi chamada de Eliane e hoje de Liliane pela colega Luzia Toledo (PMDB). A peemedebista também chamou o tucano Sérgio Majeski de Sérgio Majeskis. O parlamentar Erick Musso já foi citado até como Erick Mousse. A confusão já tem gerado muitas piadas na Casa.

Assessor 24 horas
Um dos assessores do gabinete da deputada Janete Sá (PMN) também caiu na folia e acompanhou a parlamentar durante os desfiles das escolas de samba. Era ele quem fazia o cerimonial e visitava os camarotes junto com a parlamentar. Na Assembleia, o que se comenta é que o rapaz monitora pessoalmente desde a agenda e até o que vai para o ar nas redes sociais. Essa eficiência toda já tem gerado uma certa insatisfação em alguns colegas.

Leia mais sobre o cenário político:

300x200px Blog De Olho no Poder 300x200px Blog Esplanada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *