Gastos de até R$ 1 milhão com shows nacionais para festa em Itapemirim

Em meio à crise financeira, a prefeitura de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo, ao que tudo indica está com os cofres abarrotados. Na próxima segunda-feira (5), começa a festa dos 201 anos de emancipação do município. Será uma semana inteira de shows nacionais e locais bancados com dinheiro do contribuinte. Entre as atrações, estão os astros sertanejos Luan Santana, Fernando & Sorocaba, o pagodeiro Thiaguinho e ainda o cantor de axé Bell Marques. O cachê dos artistas soma o montante de R$ 1 milhão. Além disso, a farra com dinheiro público inclui ainda o pagamento de R$ 500 mil para despesas de montagem de palco e equipamentos de som. Curiosamente, a festa acontece no momento em que houve corte de gastos. Em maio, a prefeitura anunciou uma série de medidas para reduzir despesas, inclusive, com demissão de servidores. Os cachês variam de R$ 85 mil a R$ 250 mil.

O outro lado
A assessoria de imprensa da prefeitura foi procurada durante toda à tarde e início da noite. Um email solicitando um posicionamento do Executivo sobre o assunto foi enviado pela reportagem, mas não obtivemos respostas. As ligações feitas para os assessores também não foram atendidas.

Mais punição
A oposição ainda não ficou satisfeita com a cassação do mandato da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). O PSDB agora vai entrar no STF contra o acordo que manteve os direitos políticos da petista. Segundo o senador Ricardo Ferraço (PSDB), essa negociação “escancara a impunidade no país. Violenta a Constituição Federal. É completamente inadmissível. Se essa decisão vale pra Dilma, significa dizer que vale para todos os políticos envolvidos na Lava Jato?”, questionou.

Pelo telefone
Candidatos a vereador na Grande Vitória estão aproveitando qualquer ferramenta de comunicação para fazer campanha eleitoral. Nesta quinta-feira, por exemplo, vários deles dispararam mensagens pelo WhatsApp para divulgar o lançamento de suas candidaturas. Uma chatice…

No tesouro
Estão cada vez mais fortes os rumores de que a ex-secretária de Fazenda do Estado e atual secretária do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescovi, irá assumiu o ministério do Planejamento do governo Michel Temer (PMDB). Ela é cotada para o lugar do ministro interino da pasta, Dyogo Oliveira, que foi indicado para o cargo para substituir o senador Romero Jucá.

Eleição 2016
Grupos ligados à promoção e ao desenvolvimento de Vila Velha, coordenados pela Rede se Desenvolvimento Sustentável de Vila Velha, vão se reunir no próximo sábado (3) para finalizar o documento “O que queremos para a nossa cidade”. Após a conclusão, o relatório será entregue a todos os candidatos que disputam o Executivo canela-verde.

Leia mais sobre o cenário político:

300x200px Blog Esplanada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *