Omissão? Inércia? Deboche? Quem pode responder?

Na última quinta (29), a senadora Rose de Freitas (PMDB) fez um longo discurso no plenário do Senado, mas, teve muito cuidado com o texto. Chamou os colegas para debaterem as grandes causas do país e admitiu que o parlamento está repleto de políticos cheios de vaidade e imaturos, sem nenhuma condição de legislar em nome de 200 milhões de brasileiros. “O que nós estamos pensando nessa casa? Que o povo não está vendo? O povo brasileiro está enxergando tudo. A inércia, a omissão, o descuido, o deboche… Chegamos a um ponto que incomoda. Quem não tem pressa nesse país é a classe política. O povo tem pressa”, disse Rose em trechos do discurso.

Íntegra do discurso da senadora Rose de Freitas

Presente
Lideranças políticas capixabas se manifestaram, nessa sexta-feira (30) após a decisão de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) soltar o assessor da mala com R$ 500 mil e devolver cadeira de Aécio Neves, no Senado. O deputado Givaldo Vieira (PT), um dos poucos a dar sua opinião sobre os pontos, era um dos mais indignados. “O judiciário presenteou Aécio da propina e o homem da mala de Temer. Só falta mesmo soltarem o Eduardo Cunha. Jucá tinha toda razão sobre o ‘acordão’ com o Supremo, com tudo”, criticou Givaldo.

Criada associação das Câmaras Municipais
Reunidos no plenário da Assembleia Legislativa, vereadores de 35 municípios capixabas decidiram criar a Associação das Câmaras Municipais do Espírito Santo. A associação vai representar os vereadores assim como a Amunes representa os prefeitos. Uma comissão formada por nove parlamentares foi eleita para elaborar o estatuto da entidade.

Vetos derrubados
A Câmara Municipal de Vila Velha derrubou seis dos oito vetos do prefeito Max Filho (PSDB) a projetos dos vereadores. Entre as matérias que tiveram o veto derrubado estão a que prevê a implantação de um hospital veterinário municipal e postos municipais de atendimento veterinário em Vila Velha, e outra que obriga a prefeitura a publicar em seu site todas as demandas apresentadas à Ouvidoria Municipal, ambas de autoria do vereador Arnaldinho Borgo (PMDB). Vamos acompanhar.

Desmembramento de secretaria em VV
Em 2014 e 2015, a crise econômica obrigou prefeituras capixabas a enxugarem o orçamento, exonerando servidores, cortando pela metade o expediente e excluindo secretarias municipais. Mas, o tempo passou e, ao que tudo indica, em Vila Velha a situação atual é confortável, diferente do que acontece na casa da maioria dos capixabas. Nessa semana os vereadores do município autorizaram o prefeito Max Filho a desmembrar as Secretarias de Administração e Planejamento. O pedido do prefeito foi concedido em uma sessão extraordinária e em regime de urgência. A prefeitura garante que não haverá elevação de despesa legalmente fixada.

Turismo na pauta de vereadores
Em ação inédita e necessária, vereadores de todos os municípios da Grande Vitória se reuniram, essa semana para falar sobre um grande potencial econômico capixaba: o turismo. Os parlamentares discutiram a ampliação do aeroporto de Vitória, vôos internacionais, implantação de City Tours na Região Metropolitana, a reativação do Sistema Aquaviário e a inclusão da Baía de Vitória como ponto de parada de navios transatlânticos. Outros encontros de vereadores para debater o turismo já estão marcados. Agora é esperar os resultados.

Audiência sobre acidente
Está marcada para a próxima terça-feira (4), a audiência pública, em Brasília, que pretende ouvir representantes da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Ibama, Eco 101 e Polícia Rodoviária Federal (PRF), sobre o acidente ocorrido no último dia 22, na BR 101, em Guarapari. A audiência foi marcada pela Comissão de Fiscalização da BR 101, na manhã da última quinta-feira (29).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *