Governo apresenta reforma da Previdência estadual para deputados

Em almoço fechado no Palácio Anchieta nesta quarta-feira (13), às 12h, o Governo do Estado apresentará a deputados os pontos da reforma da Previdência proposta para servidores estaduais. O texto deve ser encaminhado para a Assembleia Legislativa logo após o encontro.  

Últimos ajustes  

Para ajustar os últimos detalhes, o governador Renato Casagrande (PSB) se reuniu, na tarde desta terça-feira, com o procurador-geral do Estado, Rodrigo Francisco de Paula, e representantes da Secretaria Estadual da Fazenda, Fundação de Previdência Complementar e do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado. O grupo faz parte da frente de trabalho montada para discutir as propostas da reforma.  

Novo partido  

Antes mesmo de Bolsonaro comunicar a aliados sua saída do PSL, na tarde desta terça-feira, o deputado estadual Capitão Assumção manifestou apoio incondicional ao chefe do Executivo Nacional. Durante sessão ordinária, o presidente do PSL na Assembleia disse que os deputados da legenda irão se empenhar na coleta de assinaturas no Espírito Santo para a criação do partido Aliança pelo Brasil.  

Novo partido 2 

Com quatro deputados, o PSL é o partido com mais representantes na Assembleia. Apesar da manifestação de apoio ao presidente, Torino Marques e Capitão Assumção ponderaram que, por questões jurídicas, é preciso avaliar a saída da sigla. Isso porque a lei prevê situações específicas em que a troca pode ser feita. Caso o parlamentar desrespeite as regras, pode ser enquadrado em infidelidade partidária e perder o mandato. Danilo Bahiense informou que também mantém apoio ao presidente e que, por enquanto, permanece no PSL. A coluna tentou contato com o Coronel Alexandre Quintino, mas não teve retorno.  

Comissão rejeita MP de Bolsonaro 

Uma comissão mista de deputados e senadores rejeitou medida provisória de Bolsonaro que permite a publicação de balanço das empresas apenas na internet, e não mais em jornais de grande circulação. A votação ocorreu nesta terça-feira. Agora, a MP, que entrou em vigor em agosto, será apreciada nos plenários da Câmara e do Senado.  

 Prazo prorrogado 

O Tribunal Regional Eleitoral do Estado prorrogou o recadastramento biométrico obrigatório em Colatina e Piúma. Na cidade do noroeste do Estado, o prazo vai até o dia 26 de novembro. Já em Piúma, os eleitores têm até o dia 16, próximo sábado, para procurar o posto eleitoral.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *