Estado desiste de ação contra governo federal

No dia 14 deste mês, o Estado recebeu uma notificação para desistir de ação contra o governo federal como contrapartida para receber ajuda financeira para combater a pandemia. Explicando: o governo estadual havia garantido na Justiça a suspensão da dívida com o Executivo Federal. E na última quinta-feira, segundo a Procuradoria-Geral do Estado, a desistência do processo foi oficializada. Vale lembrar que a suspensão da dívida de estados é uma das medidas do projeto de socorro sancionado pelo Presidente nesta semana.

Para os que não desistiram…

A Rede protocolou uma ação nessa sexta-feira para requerer ao Supremo Tribunal Federal a suspensão da exigência da União para que estados e municípios retirem ações em tramitação na Justiça para receberem recursos aprovados pelo Congresso.

Após visita

O senador Marcos do Val (Podemos) informou que teve contato, no último dia 22, com duas pessoas contaminadas pela covid que foram até sua casa e acabou contraindo a doença. “Estava seguindo à risca o isolamento mas acabou acontecendo. Passei o final de semana mal, fiquei de cama e domingo tive dificuldade para respirar”. Do Val disse que utilizou hidroxicloroquina e azitromicina no tratamento e que passou a se sentir melhor.

Mas..

A OMS suspendeu testes com o medicamento após estudo revelar aumento do risco de morte nos pacientes com covid. A secretaria de Saúde do Estado passou a não recomendar o uso de cloroquina para pacientes em casos graves da doença. “Nós retiramos a indicação da prescrição desse medicamento por não haver evidências científicas que apontem a eficácia dele nos pacientes graves”, disse o secretáro de Saúde, Nésio Fernandes. Já o governo federal foi na contramão de tudo e de todos e incluiu a hidroxicloroquina em tratamento de casos leves da covid.

Coincidências

Bolsonaro falou no nome do procurador-geral da República, Augusto Aras, para ocupar uma vaga o STF. O aceno acontece justamente quando aumentam as cobranças para Aras tomar posição em relação às investigações contra o Presidente. Há quem diga que o procurador-geral está mais pra ministro de governo…

Comissão virtual

O secretário de Estado da Segurança Pública, coronel Alexandre Ramalho, foi convidado para a primeira reunião virtual da Comissão de Segurança e Combate ao Crime Organizada da Ales, na próxima segunda-feira. Ao lado de membros da alta cúpula ele vai falar das novas políticas na segurança. A reunião será presidida pelo deputado Delegado Danilo Bahiense (PSL).

Shoppings

Os shoppings irão abrir a partir de segunda-feira seguindo protocolo divulgado hoje, no Diário Oficial. A carga horária diária não pode ser superior a seis horas e o número de clientes será limitado.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *