Denúncias sobre suspeita de disparo em massa

No site do TSE eleitores podem fazer denúncias sobre suspeitas de disparo em massa em aplicativo de conversa no período eleitoral. A companhia responsável pelo aplicativo vai conduzir uma apuração interna para verificar se as contas indicadas violaram as políticas da empresa.

Ainda sobre o Tribunal

Os extratos das contas bancárias dos partidos políticos serão divulgados no Portal do TSE logo que forem repassados, todo mês. O Plenário do Tribunal acolheu pedido dos movimentos Transparência Partidária e Transferência Brasil.

Estável 

O Dr. Gustavo Peixoto, presidente do Pros da Serra, afirmou que Sandro Locutor segue na UTI, com quadro de saúde estável. “Continuamos aqui e enquanto ele se recupera vamos seguindo para cima, como ele diz, com uma campanha limpa, transparente e cheia de expectativas em Deus”. 

Negado

A juíza eleitoral da 52º zona eleitoral, Gisele Oliveira, negou o pedido de liminar impetrado pela campanha de Gandini. O candidato do Cidadania pleiteava direito de resposta ao defender que estava sendo vítima de calúnia e difamação na propaganda eleitoral de Pazolini.

Concurso

O conteúdo divulgado por Pazolini afirma ser mentira a proposta de Gandini de realizar concurso público para a Guarda Municipal no primeiro dia de Governo. Isso porque que uma Lei Complementar em vigor não permite que municípios afetados pela calamidade pública de Covid-19 realize concurso público, como é o caso de Vitória.

O outro lado 

Resposta de Gandini sobre as afirmações do adversário: “O delegado deputado mentiu. Ou está dando provas do despreparo”. Gandini explica que a lei permite a recomposição do quadro e a criação de um cadastro reserva é prevista em qualquer concurso. “Mas isso só sabe quem está preparado para ser prefeito e gosta da cidade. Não é o caso do despreparado”, rebateu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *