Delegado Pazolini é eleito prefeito de Vitória

Lorenzo Silva de Pazolini (Republicanos), de 38 anos, será o novo prefeito de Vitória a partir da próxima legislatura, em 2021. Ele conquistou 58.5% dos votos válidos neste domingo (29), enquanto João Coser (PT), teve 41.5% dos votos, segundo os dados do Tribunal Superior  Eleitoral (TSE),

O prefeito eleito da capital ganhou projeção no Espírito Santo enquanto atuava como delegado de polícia, na delegacia que investiga crimes contra crianças e adolescentes.

A cada crime desvendado pela equipe que comandava, entrevistas concedidas à imprensa o tornaram conhecido pelos capixabas. Tanto que em 2018 foi o segundo deputado estadual mais votado, com 43.293 votos.

O delegado é formado em Direito, tem pós-graduação em Gestão de Segurança Pública, e é ex-auditor de controle externo do Tribunal de Contas do Espírito Santo (TCES).

Sua candidatura foi oficializada no dia 15 de setembro e contou com apoio de políticos tradicionais no cenário capixaba, como os deputados Erick Musso e Lelo Coimbra, além do presidente da Câmara de Vitória, Cléber Félix. Pazolini também agregou alianças com Democratas, PTC, Solidariedade e DEM.

Vice

Foto: Divulgação

Estéfane Ferreira (Republicanos), tem 29 anos e é capitã da Polícia Militar. A vice completa uma chapa policial, já que Pazolini é delegado.

A PM é protagonista de uma história de superação. Estéfane é lotada no 1º Batalhão, em Vitória, e conseguiu realizar o grande sonho: ser integrante das forças policiais.

De família humilde, cresceu na Grande São Pedro. Foi manicure e passou no concurso para soldado da PM aos 18 anos. Formada em Direito, atualmente cursa pós-graduação em Direito Militar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *