Levy diz que governo não retirou direitos ao mudar regras do seguro-desemprego

Política

Levy diz que governo não retirou direitos ao mudar regras do seguro-desemprego

Redação Folha Vitória

Brasília - O novo ministro da Fazenda, Joaquim Levy, rebateu hoje a acusação de adversários do governo que prometem lutar no Congresso, após o recesso parlamentar, para alterar pontos da Medida Provisória que endurece as regras para a concessão do seguro-desemprego.

"Nós não retiramos nenhum direito, como disse a presidente em seu discurso no Congresso", afirmou Levy, ao ser questionado sobre se considerava injustas as críticas da oposição. Logo que a MP foi editada, o senador Aécio Neves (MG), candidato à presidência da República derrotado do PSDB, disse que Dilma estava "traindo" compromissos assumidos na campanha. As bancadas do PSDB e do DEM afirmam que brigarão para mudar a medida que restringe o acesso ao seguro-desemprego.