Novo ministro da Defesa diz que 2015 terá aperto, mas mandato será positivo

Política

Novo ministro da Defesa diz que 2015 terá aperto, mas mandato será positivo

Redação Folha Vitória

Brasília - O novo ministro da Defesa, Jaques Wagner, disse, durante a posse da presidente Dilma Rousseff, que este ano será de aperto, mas que crê que ainda assim serão quatro anos bons. Questionado sobre o que seria prioridade para o seu ministério, disse que a primeira coisa que fará é a transmissão de posse.

"Ministério da Defesa é um ministério grande, com projetos estratégicos fundamentais", afirmou. Questionado sobre o discurso da presidente, ele disse ter gostado. O ministro afirmou ainda que a experiência que se ganha no primeiro mandato "aponta para um desempenho cada vez melhor no segundo mandato". "Para mim foi assim, para o presidente Lula foi assim, para a Dilma também será assim. Este ano será de aperto, mas creio que teremos quatro anos bons", argumentou.