• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Celso de Mello pode se aposentar antecipadamente após cirurgia

Política

Celso de Mello pode se aposentar antecipadamente após cirurgia

Celso de Mello se aposenta compulsoriamente em 1º de novembro, quando completa 75 anos

Foto: Nelson Jr./SCO/STF

Em razão de uma cirurgia no quadril, e dependendo do tempo de recuperação,  o ministro Celso de Mello pode antencipar a aposentadoria do Supremo Tribunal Federal), prevista para o início de novembro, em dez meses.

O procedimento foi feito na sexta-feira (10) e em uma previsão muito otimista, o ministro voltaria ao trabalho em apenas um mês. Mas, por se tratar de uma cirurgia complexa, com recuperação que irá demandar fisioterapia, a data da volta do ministro à Corte é incerta. 

Celso de Mello se aposenta compulsoriamente em 1º de novembro, quando completa 75 anos. A dúvida agora é em que medida a sua recuperação pode impactar na composição da Corte e nos julgamentos marcados para 2020.

Se a licença médica do decano se estender, o plenário pode analisar alguns temas sem a sua presença, ficando com dez ministros. Entre os assuntos pautados para o início do ano do Judiciário estão: o julgamento que deve definir se é possível a execução provisória da pena de condenados pelo Tribunal do Júri (12 de fevereiro), a Constitucionalidade da tabela do frete (19 de fevereiro), a possibilidade de homens gays doarem sangue (11 de março), as regras de distribuição dos royalties do petróleo (29 de abril) e pontos da reforma trabalhista, como o contrato de trabalho intermitente (14 de maio). 

Com informações do R7