Prévia de manifestação da CUT em defesa da democracia já reúne 300 pessoas no DF

Política

Prévia de manifestação da CUT em defesa da democracia já reúne 300 pessoas no DF

Redação Folha Vitória

Brasília - Um grupo com cerca de 300 manifestantes está concentrado na tarde desta sexta-feira, 13, na região central de Brasília. O ponto encontro é um centro comercial, o Conic, de onde o grupo partirá às 17 horas em direção à rodoviária da cidade, em uma ação que terá entre seus principais pontos "defender a democracia". A estimativa de público presente neste momento é da Polícia Militar do Distrito Federal.

Quando chegarem à rodoviária, os manifestantes farão uma panfletagem apresentando as demandas dos trabalhadores. O ato foi convocado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), mas também participam representantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e da União Nacional dos Estudantes (UNE). A PM do DF está acompanhando a movimentação, com um efetivo reforçado no local.

O movimento traz pontos como defesa dos direitos dos trabalhadores, proteção da democracia e apoio à Petrobras. De acordo com Roberto Miguel, membro da direção nacional da CUT, o ato não é em defesa do mandato da presidente Dilma Rousseff. "Vamos defender a democracia e o resultado eleitoral", disse o sindicalista.

Segundo a Polícia Militar do Distrito Federal, três manifestações distintas estão marcadas para ocupar a região central de Brasília nesta tarde. O órgão informou que o número de policiais destacados para acompanhar os manifestantes deve ser mantido em sigilo por estratégia de segurança. A assessoria de imprensa garantiu que a PM está preparada para qualquer eventualidade e tem homens à disposição caso haja necessidade de reforço.