Líder do PSDB no Senado critica recurso do PT contra programa partidário

Política

Líder do PSDB no Senado critica recurso do PT contra programa partidário

Redação Folha Vitória

Brasília - O líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima (PB), rebateu na tarde desta quarta-feira, 20, a intenção do PT de recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o programa partidário dos tucanos. "A verdade dói e, por esta razão, o PT não consegue esconder o incômodo com as verdades ditas pelo povo brasileiro (que foi, de fato, enganado e ludibriado na última eleição)", disse ele, em nota.

Cunha Lima afirmou que o programa partidário, veiculado na terça-feira, 19, à noite, tão somente ecoou a voz das ruas. "E por isto mesmo doeu tanto. O Brasil não suporta mais tanta dissimulação por parte do PT. Por que, na nota que assinou, o presidente do PT, Rui Falcão, não se lembrou do seu companheiro João Vaccari Neto, para citar apenas um dos tesoureiros presos?", cutucou. Para o líder tucano, este é o verdadeiro clamor do povo brasileiro, para "dor e desespero" do PT.