• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Cinco procuradores já se candidataram para sucessão de Janot

Política

Cinco procuradores já se candidataram para sucessão de Janot

São Paulo - Cinco procuradores já se colocaram oficialmente à disposição para substituir Rodrigo Janot no cargo de procurador-geral da República, o posto maior no Ministério Público que tem a prerrogativa de conduzir as investigações e denúncias em grandes operações como a Lava Jato. O mandato de Janot termina em setembro deste ano e o presidente da República deve nomear o sucessor.

A Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) organiza o processo de indicação e vai promover a eleição de três nomes na última semana de junho para serem enviados ao presidente da República. Tradicionalmente, desde o primeiro governo Lula, o escolhido pelo chefe do Executivo é o mais votado desta lista tríplice.

O prazo para o registro da candidatura se encerra amanhã. Os procuradores que se apresentaram foram Carlos Frederico Santos, Nicolau Dino, Mario Bonsaglia, Franklin Rodrigues da Costa e Eitel Santiago de Brito Pereira. Nenhum deles atuou na Operação Lava Jato.

Conforme destaca o presidente da ANPR, José Robalinho Cavalcanti, outros candidatos se apresentaram informalmente, mas ainda não enviaram seu registro à entidade, o que pode ocorrer até amanhã. Na semana que vem, os candidatos participam de um debate em São Paulo organizado pela Associação.