Líder do PT no Senado diz que Congresso tem de ajudar País a superar crise

Política

Líder do PT no Senado diz que Congresso tem de ajudar País a superar crise

Líder do PT concordou com a "visão" do ministro da Fazenda em entrevista, segundo a qual, se o Congresso resolver ajudar, o País poderá sair "rapidamente" dessas dificuldades

Redação Folha Vitória
Humberto Costa conclama Congresso para ajudar país a sair de crise Foto: Divulgação

Brasília - O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), afirmou nesta terça-feira (28) que o Congresso tem de ajudar o País a superar a atual crise. Assim como disse mais cedo o senador Romero Jucá (PMDB-RR), Costa considerou como positivo o fato de a agência de classificação de risco Standard & Poor's não ter rebaixado diretamente a nota do Brasil.

"É lógico que não é bom (a decisão da S&P), mas, para o tamanho da situação que estamos vivendo, a crise de confiança que está sendo permanentemente alimentada, acho que manter o grau de investimento, mesmo com viés negativo, é um sinal positivo", afirmou.

A agência S&P alterou a perspectiva do rating BBB- do país para negativa, de estável. A nota da agência representa apenas um degrau acima do grau especulativo.

O líder do PT concordou com a "visão" do ministro da Fazenda, Joaquim Levy, em entrevista ontem, segundo a qual, se o Congresso resolver ajudar em algumas propostas, o País poderá sair "rapidamente" dessas dificuldades. Como exemplo, ele citou a aprovação do projeto que acaba com a desoneração da folha de pagamentos, a reforma do ICMS com a votação da proposta que repatria recursos do exterior e a não derrubada de vetos que podem causar impacto fiscal, como o do reajuste dos servidores do Judiciário.

Humberto Costa defendeu o governo, ao destacar que, para ele, o Executivo tomou as decisões corretas ao fazer o ajuste fiscal. E que o Congresso, além de não aprovar o ajuste, criou despesas.