O PMDB é um elemento de estabilização, diz Rui Falcão

Política

O PMDB é um elemento de estabilização, diz Rui Falcão

Redação Folha Vitória

São Paulo - O presidente nacional do PT, Rui Falcão, disse hoje ao chegar no ato em defesa da democracia, organizado pelo partido e que ocorre em uma universidade paulistana, que é preciso evitar que a crise política se transforme em crise institucional, como ocorreu no período da ditadura. "A ditadura militar precipitou (a crise) e foram 20 anos de sofrimento. Temos de evitar que a crise política se torne crise institucional."

Quando questionado se considera possível comparar os dois momentos, ele disse que não porque desta vez não há a participação dos militares. O dirigente petista aproveitou a ocasião para criticar a estratégia do PSDB de pressionar o TSE e o TCU onde tramitam processos que podem culminar na cassação da presidente Dilma Rousseff. "A estratégia do PSDB é golpista", disse Falcão.

O presidente do partido também minimizou a suposta articulação de peemedebistas com tucanos visando o cenário pós Dilma "O PMDB não participou de nenhuma atitude golpista, o partido é um elemento de estabilização." Ainda segundo o dirigente petista, o partido pretende realizar atos externos, além de eventos como o de hoje, que acontece em um anfiteatro de uma universidade da Capital.