• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Obama destaca crescimento do Quênia e anuncia US$ 1 bi ao empreendedorismo

Política

Obama destaca crescimento do Quênia e anuncia US$ 1 bi ao empreendedorismo

Nairóbi, Quênia - Em seus primeiros comentários públicos durante a sua visita de dois dias ao Quênia, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, elogiou a África como uma das regiões de mais rápido crescimento do mundo e anunciou mais de US$ 1 bilhão em compromissos, de empresas governamentais e privadas, para promover o empreendedorismo global. O financiamento virá de bancos, fundações filantrópicas e do governo dos EUA.

Ao discursas no encontro anual de empreendedorismo global, na capital Nairóbi, Obama disse que a metade de US$ 1 bilhão será usado para apoiar os empreendedores jovens e mulheres. O presidente dos EUA citou suas próprias raízes familiares no Quênia ao afirmar que jovens africanos "podem desbloquear soluções para os desafios globais que enfrentamos".

"Obviamente, isso é muito pessoal para mim. Há uma razão pelo meu nome ser Barack Hussein Obama. Meu pai veio daqui", disse Obama. "Eu quis vir até aqui porque a África está em movimento", acrescentou.

O presidente espera incentivar o empreendedorismo através de investimentos público privado como forma de estimular o crescimento econômico em lugares como a África. A reunião deste sábado com empreendedores em Nairóbi foi realizada para destacar a inovação na África Subsaariana.

Como parte desse esforço, Obama promoveu uma iniciativa em 2013 para duplicar o acesso da África Subsaariana à eletricidade, chamada de Energia da África. O programa teve um início lento, embora o governo está esperando uma evolução ao longo dos próximos 18 meses.

Apenas para a África Subsaariana, Obama anunciou que a Overseas Private Investment Corporation apoiará com US$ 200 milhões para empréstimos bancários e fornecer US$ 50 milhões para ajudar as pequenas empresas que terão um impacto social.

Obama, que é o primeiro presidente dos EUA a visitar o Quênia, foi acompanhado no evento pelo presidente do país, Uhuru Kenyatta.

Kenyatta apresentou Obama como "um grande amigo deste continente". "Este país não tem a pretensão de ser perfeito. Mas, sem dúvida, podemos afirmar que houve progresso", disse Kenyatta.

Obama deve se reunir novamente com Kenyatta na tarde deste sábado, quando os dois irão realizar uma coletiva de imprensa conjunta antes de ir a um jantar formal do Estado.

Obama fará um discurso no domingo, quando é esperado para refletir sobre seus vínculos pessoais com o Quênia. Em seguida, ele segue para uma viagem de dois dias na Etiópia. Fonte: Dow Jones Newswires