Política

Executivo de Anchieta apresenta projetos para alavancar a economia do município

Os projetos, Rua Viva e prioridade para os ambulantes locais, foram encaminhados e protocolados na Câmara Municipal e agora serão avaliados pelos vereadores para posterior votação

Aline Couto

Redação Folha da Cidade
Os projetos forma encaminhados para a Câmara de Vereadores de Anchieta pelo prefeito Fabrício Petri.

Com o propósito de estimular a empregabilidade e a geração de renda em Anchieta, o prefeito da cidade, Fabrício Petri, encaminhou hoje (22) para a Câmara de Vereadores dois projetos de lei. O projeto Rua Viva, será um espaço para ocupação das famílias anchietenses com lazer e cultura. O outro, altera a Lei Municipal nº 155/96 que regula o comércio de ambulantes no município.

De acordo com Petri, a ideia do Rua Viva é interditar ruas ou avenidas da cidade nos finais de semana e feriados para lazer, esporte, cultura e entretenimento. “Nada melhor que um espaço coletivo e democrático como a rua para os cidadãos anchietenses poderem se relacionar com atividades de lazer e cultura”, explicou.

Além de ser um espaço para o encontro, atividades culturais, esportes e lazer, também fomentará o comércio para aqueles que lá queiram empreender. O que desejamos é uma cidade para as pessoas”, disse Fabrício.

Já o projeto envolvendo os ambulantes da cidade, diz respeito às alterações que tratam de estabelecer que 100% das vagas sejam destinados aos ambulantes do município e, somente na falta desses profissionais, as vagas poderão ser complementadas com pessoas de outros municípios. Outra inovação que o projeto traz é a desburocratização para que os ambulantes possam se cadastrar para trabalharem em Anchieta. “Nas festas e no verão, muitas oportunidades e empregos são gerados e estamos atentos a isso”, afirmou o prefeito.

Ainda segundo o prefeito, a iniciativa visa garantir as vagas para os anchietenses. “Esses projetos estão alinhados com os projetos do Programa Anchieta Criativa e Empreendedora, instituído no ano passado, contemplando 10 projetos para promover e alavancar o desenvolvimento de Anchieta”.

O secretário Municipal de Integração e Desenvolvimento, Marcos Kneip, acrescentou que o Programa Anchieta Criativa e Empreendedora tem, dentre os seus objetivos, incentivar a chamada economia ‘C’: criativa, colaborativa e compartilhada.

Pontos moeda