• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

"Precisamos produzir economia voltada para a população", diz candidato André Moreira

Eleições 2018

  • COMPARTILHE
Política

"Precisamos produzir economia voltada para a população", diz candidato André Moreira

O candidato ao Governo do ES André Moreira (PSOL) foi o primeiro participante da série de entrevistas da Rede Vitória com candidatos ao Executivo Estadual

André respondeu questionamentos de jornalistas e da população sobre temas variados

O candidato ao Governo do Espírito Santo pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), André Moreira, foi o primeiro participante da série de entrevistas da Rede Vitória com candidatos ao Executivo Estadual. A entrevista ocorreu na noite desta terça-feira (11). André respondeu questionamentos de jornalistas e da população sobre temas variados envolvendo as propostas de governo.

Moreira defendeu um modelo de gestão que pretende produzir uma economia voltada para cuidar das pessoas e garante que vai brigar para combater a injustiça no Espírito Santo. O candidato também comentou sobre as propostas que seu plano de governo possui para alavancar a educação no Estado.

"O Estado não chegou na média do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) para o Ensino Médio. Os bons níveis de avaliação do Estado estão ligados ao fato de que os professores e alunos são comprometidos com a educação. O Escola Viva tem o efeito negativo que é a retirada de alunos da escola, porque ele vem acompanhado de fechamentos de escola e de turnos noturnos da educação regular e isso foi muito ruim para a educação no Estado. Ter escola em tempo integral é fundamental e isso é uma ideia da esquerda. Contudo, a escola tem que estar de acordo com os interesses da comunidade", disse.

Sobre a mobilidade urbana no Espírito Santo, Moreira ressaltou que vai garantir o deslocamento de pessoas a pé. "Uma parte da população se desloca a pé. Mas tem parte que não se quer consegue dinheiro para comprar uma passagens para se locomover. Quem se desloca a pé, precisa de calçadas de qualidade. A nossa proposta é integrar todo o projeto, não só para quem anda a pé, mas quem se desloca de ônibus, bicicleta, aquaviário e etc. Queremos um modelo de transporte que possa garantir que as pessoas se desloquem de acordo com suas necessidades", afirmou.

André foi questionado, por um internauta, sobre proposta para reduzir a criminalidade, especialmente entre jovens. O candidato disse que o Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo (Iases) passa por crises e atribuiu o alto índice de criminalidade à desigualdade social.

"Em um Estado igual ao Espírito Santo, onde há uma enorme concentração de renda, a violência vai sempre ser um tópico que precisaremos debater. Desigualdade gera violência. Precisamos criar desenvolvimento econômico, um novo modelo que gere riquezas a partir de empresas que estejam dispostas a se preocupar com o desenvolvimento econômico do Estado", comentou. 

Veja abaixo a entrevista na íntegra: