• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Aguardando ordem de serviço, Guarapari tem disponível R$ 750 mil, desde 2017, para construção de Unidade de Saúde

Política

Aguardando ordem de serviço, Guarapari tem disponível R$ 750 mil, desde 2017, para construção de Unidade de Saúde

O recurso veio através de uma emenda parlamentar do deputado federal Sérgio Vidigal (PDT) e depende da assinatura do Executivo para o início das obras em Village do Sol

Aline Couto

Redação Folha da Cidade
Foto: Reprodução

Em 2017, a prefeitura de Guarapari teve a verba de R$ 750 mil disponibilizada para construção da Unidade Básica de Saúde (UBS) no bairro Village do Sol, para atender os moradores locais e do entorno. O recurso foi possível através de uma emenda parlamentar do deputado federal Sérgio Vidigal (PDT) e só poderá ser usado após o prefeito Edson Magalhães assinar a ordem de serviço.

As assessorias, do deputado e da prefeitura, foram procuradas e questionadas sobre a possibilidade da perda desse recurso por conta do tempo que o mesmo já foi disponibilizado e o porquê não foi dada a ordem de serviço até a presente data.

De acordo com a assessoria de imprensa do deputado Sérgio Vidigal ainda não houve comunicado oficial de cancelamento, até a última sexta-feira (6), da emenda destinada pelo parlamentar para o município de Guarapari.

Foto: Assessoria de imprensa do deputado federal Sérgio Vidigal

O recurso está orçado em R$ 750 mil, refere-se ao Orçamento Geral da União (OGU) de 2017 e encontra-se em análise para pagamento. Este contempla a construção de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) no Bairro Village do Sol”, disse a assessoria de Vidigal.

A comunicação do deputado ainda acrescentou que em junho deste ano Sérgio Vidigal se reuniu com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, para cobrar a liberação desse recurso. Mas, segundo a assessoria, a prefeitura não conseguiu cumprir com as diligências exigidas pelo ministério, assim, não dando início à ordem de serviço.

Respondida através de nota, a prefeitura falou que o processo de assinatura está em andamento: “A Secretaria Municipal de Fazenda, através do setor de convênios, informa que o processo está em andamento e a intenção do município é autorizar o serviço dentro do prazo previsto”.

Foto: Assessoria de imprensa do deputado federal Sérgio Vidigal