• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

"Muita gratidão a população capixaba", diz Casagrande após ser eleito governador do ES

Eleições 2018

Política

"Muita gratidão a população capixaba", diz Casagrande após ser eleito governador do ES

Casagrande teve 1.072.224 mil dos votos, o que corresponde a 55,49%, contra 525.973 mil votos de Carlos Manato (PSL) – 27,22%

Casagrande durante entrevista ao vivo no programa ES no Ar desta segunda-feira (8)

Renato Casagrande, do PSB, eleito governador do Espírito Santo no último domingo (7) com mais de um milhão de votos, falou sobre os desafios para os próximos quatro anos (2019-2022) e agradeceu aos capixabas. Confira a apuração completa!

"Foi uma eleição difícil, onde o vento da renovação chegou a muitas instituições. Uma eleição com seis candidatos a governador, com eleição polarizada em nível nacional, a população capixaba, nesse ambiente, me concedeu a vitória no primeiro turno. Então, muita gratidão a população capixaba pelo reconhecimento, pelo crédito, e de fato, isso me dá muito mais responsabilidade".

O socialista disse que já se prepara para assumir o cargo em janeiro de 2019. "Daqui para frente começo a pensar nos próximos dias, são menos de três meses. Agora a gente começa a pensar efetivamente no que vamos fazer nessa transição para chegarmos ao mês de janeiro e assumirmos".

Durante entrevista ao vivo no programa ES no Ar desta segunda-feira (8), Casagrande disse que começara a pensar na nova equipe de transição. "Ainda não deu tempo de pensarmos nisso, mas nos próximos dias a equipe começa a trabalhar levantando dados, até porque devemos saber como vamos receber a situação do governo, e como ficará nessa avaliação do tempo, quem será o presidente da república, e qual será o resultado e a repercussão da eleição do presidente na economia brasileira". 

ASSISTA A ENTREVISTA COMPLETA:

Eleito com mais de um milhão de votos, Casagrande fala em retomar o crescimento do Estado

Renato Casagrande, do PSB, foi eleito neste domingo (07), no primeiro turno, governador do Espírito Santo para os próximos quatro anos (2019-2022). Com 100% das urnas apuradas, o socialista teve 1.072.224, o que corresponde a 55,49% dos votos válidos, contra 525.973 votos de Carlos Manato (PSL) – 27,22% (confira a apuração completa).

Esta é a segunda vez que Renato Casagrande é eleito governador do Estado. Em 2010, foi eleito governador do Espírito Santo com votação recorde: 82,3% dos votos válidos, a maior da história do Espírito Santo.

Após a confirmação da vitória no pleito, Casagrande concedeu entrevista coletiva. No local, o governador eleito estava acompanhado de Marcos do Val (PPS), segundo senador mais votado nas Eleições, além da presença do prefeito de Vitória, Luciano Rezende (PPS).

Resultado completo da eleição para governador no ES:

VOTOS VÁLIDOS (excluindo brancos e nulos)

Renato Casagrande (PSB): 1.072.224 (55,49%)

Carlos Manato (PSL): 525.973 (27,22%)

Jackeline Rocha (PT): 142.654 (7,38%)

Rose de Freitas (PODEMOS): 105.754 (5.47%)

Professor Aridelmo Teixeira (PTB): 62.821 (3.25%)

Andre Moreira (PSOL): 22.875 (1.18%)

OUTROS DADOS

Brancos: 114.918 (5,17%)

Nulos: 175.988(7,92%)

Abstenção: 530.378 (19,26%)

Confira os principais trechos da entrevista:

Gratidão ao capixaba

Recebemos com enorme alegria o resultado. Sentimento de gratidão e carinho com a população que nos deu a vitória em primeiro turno. Minha decisão, a partir de agora, é agregar pessoas e instituições que querem ajudar a retomar o crescimento do Estado. A prioridade é voltar a dar atenção junto as pessoas, na área social principalmente, melhorar o atendimento em serviços essenciais, como educação, saúde e segurança. É preciso também retomar e concluir obras que foram paralisadas.

Transição

Ainda não é o momento, estamos saindo do resultado eleitoral. A partir de agora, como governador eleito, vamos olhar de forma mais detalhada para a atual gestão. Pretendo fazer uma transição madura e responsável, e tenho certeza de que a atual gestão também queira isso.

Marcos do Val eleito

Muito feliz pela eleição do Marcos do Val. É uma liderança nova, carrega uma responsabilidade grande, vai ter uma tarefa enorme no Senado. Não sabemos, ainda, o que serão dos próximos anos no Brasil, há um ambiente tenso na política nacional.

Mudança no Senado

As mudanças nas urnas não está restrita somente ao Senado, mas também na Assembleia Legislativa, na Câmara Federal. O vento da mudança varreu a política brasileira e o Espírito Santo não ficou de fora. Essa mudança, principalmente no Senado, é característica do sentimento de renovação que domina a política nacional.

Obras anunciadas pela atual gestão

As obras que estão em andamento, daremos sequência, sem dúvidas. Sou crítico em paralisar obras, é um respeito ao capixaba. Vamos verificar, então, cada contrato, cada edital anunciado nos últimos meses, principalmente de julho para cá, para saber se o que foi feito, está de acordo com a capacidade econômica do Estado para os próximos anos. Tenho interesse em dar sequência as obras, mas farei uma avaliação, contrato a contrato, edital a edital.

Cenário nacional

É preciso saber qual será o resultado. Única certeza é de que estou convidado para uma reunião da Executiva Nacional do PSB para discutir o assunto esta semana. Pela quantidade de votos que tive no Estado, recebi apoio de capixabas que votaram em mais de dois, três candidatos à presidência da República. Minha posição como governador será de respeito com o capixaba, independente da decisão do partido.

Mobilidade urbana

O aquaviário é uma das nossas prioridades, vamos fazer uma parceria com o setor privado. Em relação ao BRT, vamos dar início, mas não fazemos conseguir concluir nos próximos quatro anos, mas vamos iniciar. O BRT envolve um macro projeto, com ampliações de vias... Já o aquaviário, vamos atualizar o projeto que fizemos no final do meu mandato, em 2014, à realidade econômica do Estado hoje.

Histórico

Renato Casagrande tem 57 anos e é formado em Engenharia Florestal e Direito. É filiado ao PSB desde 1987. Foi senador, deputado federal, vice-governador e deputado estadual. Em 2010, foi eleito governador do Espírito Santo com votação recorde: 82,3% dos votos válidos, a maior da história do Espírito Santo.

Casagrande também já atuou como secretário de Estado de Agricultura, secretário municipal de Meio Ambiente da Serra e secretário municipal de Desenvolvimento Rural do município de Castelo. No Senado, Casagrande foi líder do Partido Socialista Brasileiro (PSB). Atualmente, é secretário-geral da Executiva Nacional da sigla.

Principais propostas do plano de governo de Renato Casagrande

Saúde

Dentre outras ideias, o candidato Renato Casagrande (PSB) apresentou a proposta de consolidar o conceito de redes de atenção regionalizadas, implantando serviços de média complexidade, regionalmente distribuídos, e aperfeiçoar a qualidade do atendimento.

Casagrande também propõe fortalecer os serviços de urgência e emergência; Ampliar a oferta de leitos hospitalares e qualificação do cuidado assistencial em toda a rede de saúde própria, contratada pelo SUS e Entidades Filantrópicas, incluindo construção, reforma e ampliação de unidades.

O plano de governo ainda propões implantar o Programa Saúde da Pessoa Idosa, com atendimento diferenciado nos três níveis de atenção à saúde das pessoas idosas; Capacitar os operadores de saúde, com foco nos programas de prevenção e saúde da família; e promover o uso de tecnologias para facilitar o acesso aos serviços de saúde; e promover estudos e pesquisas vinculados a saúde da população LGBT.

Educação

Renato Casagrande (PSB) propõe promover concurso público, a fim de aumentar o engajamento do docente para a melhoria da qualidade do ensino na Rede, além de desenvolver ações de valorização e qualificação da educação do campo, visando à redução das assimetrias de qualidade entre as escolas urbanas e rurais e promovendo formação cidadã e emancipadora também nas comunidades rurais.

No plano de governo, Casagrande também propõe fortalecer e ampliar a escola em tempo integral e até tornar a educação do Espírito Santo em referência nacional e internacional, com uso das novas tecnologias; além de fortalecer o atendimento da “Patrulha Escolar”.

Casagrande também propõe ampliar a oferta de ensino de línguas e de oportunidades de intercâmbio profissional para estudantes e profissionais da educação e fortalecer do Programa “Nossa Bolsa” e “Bolsa SEDU”, priorizando a população de baixa renda.

Segurança

O candidato Renato Casagrande (PSB) quer reimplantar o Programa Estado Presente como modelo de gestão da Política de Segurança Pública aprimorando suas estratégias e ações de controle e prevenção a violência com atenção especial ao enfrentamento dos crimes letais intencionais, ao crime contra o patrimônio, ao tráfico de drogas, à segurança no meio rural e à rede de proteção as pessoas em vulnerabilidade social, com foco na situação do jovem e da mulher.

Outra proposta é recriar as unidades especializadas – BME e da ROTAM, com objetivo de recuperar a capacidade de resposta da Polícia Militar com equipe especializada para apoio às unidades operacionais em ocorrências com risco a vida e em operações em locais com altos índices de criminalidade.

Casagrande também quer levar o programa “Olho Digital” e o “Cerco Inteligente de Segurança” (videomonitoramento) para outros municípios do Estado, além de implantar o Projeto Patrulha Rural, com equipamentos específicos para atender as áreas de zona rural, com maior ocorrência de incidentes criminais.