Diretor da Telexfree e candidato a deputado sofre infarto

Política

Diretor da Telexfree e candidato a deputado sofre infarto

Carlos Costa (PRP) se sentiu mal em sua casa e foi buscar socorro. Ele foi encaminhado para o Hospital Meridional onde ele passou por um cateterismo

Carlos Costa é candidato a deputado federal e representa a Telexfree no Brasil

O diretor e sócio da empresa capixaba Ympactus Comercial, Carlos Costa, que representa a Telexfree no Brasil, que é candidato ao cargo de deputado federal pelo PRP para o pleito eleitoral deste ano sofreu um infarto na manhã desta terça-feira (2).

Segundo a assessoria de imprensa do candidato, Costa se sentiu mal em sua casa e foi buscar socorro. Ele foi encaminhado em seguida para o Hospital Meridional, na Cariacica, onde foi constatado que ele estava sofrendo um infarto. Ele foi submetido a um cateterismo.

Segundo a assessoria de Costa, o procedimento foi um “sucesso”, mas os médicos recomendaram repouso de cinco dias. O candidato só voltará aos compromissos de campanha na próxima segunda-feira (8).

O diretor, que é natural do Rio de Janeiro, estimou em R$ 3 milhões o limite de gastos de sua campanha. O patrimônio declarado por ele é de R$ 13.542.568,43. As quotas de capital da empresa Ympactus foram declaradas por Carlos Roberto Costa no valor de R$ 300 mil.

Na manhã do dia 24 de julho, uma operação, com o objetivo de investigar crimes financeiros relacionados às atividades da Telexfree, foi deflagrada pela Polícia Federal, em Vitória. Ao todo, nove mandados de busca e apreensão na região metropolitana de Vitória deverão ser cumpridos a durante a Operação Orion, em endereços ligados à Ympactus Comercial.