• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Pesquisa FlexConsult mostra cenário da disputa ao Senado no ES às vésperas das Eleições

Política

Pesquisa FlexConsult mostra cenário da disputa ao Senado no ES às vésperas das Eleições

Na pesquisa induzida, a Rose de Freitas lidera com 35,20% das intenções de votos. Em 2º lugar aparece Neucimar Fraga (PV) com 17,80% dos votos. Em 3º, vem João Coser (PT) com 16,7% dos votos

rose-de-freitas

A deputada federal Rose de Freitas (PMDB) continua liderando a disputa ao Senado no Espírito Santo, de acordo com nova pesquisa eleitoral realizada às vésperas das Eleições pelo Instituto FlexConsult. O levantamento foi realizado entre os dias 29 de setembro e 03 de outubro.

Na pesquisa induzida, a peemedebista tem 35,20% das intenções de votos. Em segundo lugar aparece o candidato do PV, Neucimar Fraga com 17,80% dos votos. Em terceiro, vem João Coser (PT) com 16,7% dos votos. O candidato André Moreira (PSOL)  aparece com 1,1% e Raphael Furtado (PSTU) tem 0,6%. Votos brancos ou nulos somam 9,5%. Não souberam/não responderam/indecisos são 19,10% das respostas.

O novo levantamento do Instituto mostra a disputa acirrada pelo segundo lugar. Na pesquisa anterior, Rose liderava com 36,1% das intenções de votos. João Coser (PT) aparecia em segundo lugar, com 16,7%, e em terceiro, vinha Neucimar Fraga (PV) com 14,30%. O candidato Raphael Furtado tinha 1,8% e André Moreira aparecia com 1,1%. Na ocasião, votos brancos ou nulos somavam 10%. Não souberam/não responderam/indecisos eram 20% das respostas.

Na sondagem Espontânea, Rose de Freitas tem 23,40% dos votos, Neucimar Fraga aparece com 11,60%, João Coser com 10,40%, André Moreira 0,60% e Raphael Furtado com 0,30%.

Rejeição

A pesquisa perguntou aos entrevistados quem eles não votariam caso a eleição fosse hoje. Segundo a pesquisa, João Coser lidera o índice de rejeição com 13,20%. Atrás vem Rose de Freitas (8,9%); Neucimar Fraga (8,1%); André Moreira (4,2%); Raphael Furtado (3,4%). Nenhum/todos são 29,1% e não souberam/não responderam/indecisos são 33,1%.

O Instituto Flexconsult realizou mil entrevistas na Grande Vitória e regiões noroeste, litoral norte, Central e Sul entre os dias 29 de setembro e 03 de outubro.  A margem de erro é de 3,1% e o Nível de Confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no TSE com o número: ES-00034/2014 e BR-00994/2014.

Voto-a-voto no Folha Vitória: Eleitor poderá acompanhar apuração por tablets e smartphones

Neste domingo (5), mais de 2,6 milhões de eleitores no Espírito Santo vão às urnas para escolher seus representantes para Governo do Estado, Assembleia Legislativa, Câmara Federal, Senado e presidência da República. E o jornalismo da Rede Vitória estará de plantão com as equipes de profissionais para levar ao público todas as notícias no momento em que elas acontecem. 

No jornal online Folha Vitória, a cobertura começa bem cedo, com informações desde o início da votação até o fim da eleição. A partir das 17 horas, o jornal começa a transmitir a apuração voto-a-voto no hotsite do Folha Vitória. O eleitor vai poder acompanhar em tempo real a contagem de votos em todos os municípios capixabas. 

Além disso, repórteres vão acompanhar toda a movimentação do dia das eleições 2014 no Espírito Santo. A TV Vitória também está com uma estrutura especial para cobertura do processo eleitoral. 

Logo após o fim da votação nas urnas, a emissora vai transmitir um programa ao vivo e especial com o balanço do que foi notícia durante o dia. O jornalista Alex Cavalcanti será o âncora do programa e vai mostrar toda a repercussão do resultado da votação. 

Especialistas sobre o assunto estarão no estúdio da TV Vitória para realizar uma análise da eleição no Espírito Santo e também no cenário nacional. O programa começa a ser exibido a partir das 17 horas.

Para receber os 2.653.536 de eleitores capixabas nas 58 zonas eleitorais do Espírito Santo, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES) irá coordenar um esquema especial para o dia 5 de outubro. Serão 6,5 mil policiais militares nas ruas, no dia da eleição. Os juízes das 58 zonas eleitorais também estarão de plantão.